sexta-feira, 29 de setembro de 2017

Pie de ruibarbo, framboesa e mirtilos silvestres com gelado de nata // Rhubarb, raspberry & wild blueberry pie with ice cream



O outono pede tartes com frutos do verão. As tartes vão-se repetindo cá por casa, a base da receita é quase sempre a mesma. O que muda são as formas e as combinações de frutas e sabores. Não há palavras que possam definir ou descrever a delícia que são. Penso que é das sobremesas mais prazerosas de se comer. Além disso fazer tartes é uma terapia. Meter as mãos na massa,
estendê-la e fazer recortes e decorações e depois ver a fruta a borbulhar no forno e sentir os aromas que se espalham na casa. Não há melhor! Melhor só quando vamos para a mesa e saboreamos uma bela fatia com uma bola de gelado de nata em cima (faz toda a diferença).
Podem usar a fruta que tiverem em casa, eu usei ruibarbo, mirtilos silvestres e um resto de framboesas  que tinha  congelados. Com a massa que sobrar podem fazer umas bolachas.






{Scroll down to English version}


PIE DE RUIBARBO, FRAMBOESA E MIRTILOS SILVESTRES COM GELADO DE NATA

MASSA
400g de farinha (usei metade de espelta integral)
2 c. sopa de açúcar em pó
1 pitada de sal
1 ovo
160g de manteiga, bem fria
1/2 c. chá de pasta de baunilha (ou extracto)
1 c. chá de sumo de limão
50 a 100ml de água gelada
1 ovo + 1 . sopa de leite p/ pincelar


RECHEIO 
300g de ruibarbo, cortado em cubos
250g de mirtilos silvestres (usei congelados do Jumbo)
50g de framboesas (usei congeladas)
3 c. sopa de Maizena
150g de açúcar
Sumo de meio limão
1/2 c. chá de cardamomo em pó
1/2 c. chá de pasta de baunilha (ou extracto)

Gelado de nata para servir

MASSA
Num recipiente, misturar a farinha, o açúcar e o sal.
Juntar a manteiga aos bocados, o ovo, o sumo de limão e a baunilha.
Trabalhar a massa juntando pouco a pouco água gelada (o suficiente até conseguir moldar uma bola). Envolver em película aderente e reservar no frigorífico durante 30 minutos.

RECHEIO
Numa taça, misturar o açúcar, a Maizena, o cardamomo e reservar.
Misturar as frutas com o sumo de limão e a baunilha
Envolver as frutas na mistura de açúcar e maizena.
Reservar.



Dividir a massa em 2 partes e reservar uma delas no frigorífico.
Estender uma parte da massa e forrar uma tarteira de 20cm.
Reservar no frigorífico enquanto prepara a fruta.
Espalhar a fruta na base da tarte, pressionando e alisando a superfície.
Reservar no frigorífico.
Estender a massa restante formando um círculo ligeiramente maior que a tarteira.
Com um cortador redondo (usei um bico pasteleiro) fazer buracos na massa a gosto (e guardar as sobras no frigorífico para depois fazer as folhas).
Cobrir a tarte com a capa e selar com água as extremidades, pressionando com os dedos. Reservar no frigorífico.
Estender a massa que resta e cortar umas folhas com a ponta de uma faca.
Por fim colar as folhas com água e pressionar ligeiramente.
Pincelar a tarte com ovo batido com leite e polvilhar com açúcar mascavado.

Levar ao forno, a 180ºC durante cerca de 60 minutos, até ficar dourada e a fruta borbulhar. Assim que a tarte começar a ficar dourada cobrir a tarte com folha de alumínio para não tostar demasiado até ao final da cozedura. A fruta deverá borbulhar em toda a superfície.
Deixar arrefecer à temperatura ambiente e servir morno com gelado de natas.


{Recipe in English}


RHUBARB, RASPBERRY & WILD BLUEBERRY PIE WITH ICE CREAM

PIE CRUST
400g all purpose flour (I used 1/2 whole spelt flour)
2 tbsp icing sugar
1/4 tsp salt
1 egg
160g cold butter, in cubes
1/2 tsp vanilla paste
1 tsp lemon juice
50 a 100ml ice water


1 egg + 1 tbsp milk, for eggwash

FILLING
300g rhubarb, sliced
250g wild blueberries
50g raspberries
3 tbsp cornstarch
150g sugar
2 tbsp lemon juice
1/2 tsp vanilla paste
1/2 tsp cardamom powder
Vanilla ice cream to serve


PIE CRUST
Preheat oven to 200ºC (400ºF).
Mix flour, sugar and salt in a bowl.
Add the butter and mix until you get fine crumbs.
Add the water (5 tbsp and add additional if the dough feels dry), juice and egg and mix until the dough just come together.
Wrap the dough in plastic wrap and put in the fridge for at least 30 minutes.


FILLING
Mix cornstarch, sugar and cardamom in a bowl. Put rhubarb and berries in a large bowl, add the vanilla, lemon juice and flour mixture. Carefully turn berries with a large spoon so they are covered with the flour mixture.

ASSEMBLY
Roll out about 1/2 of the dough on a lightly floured surface and line the bottom of a 22 cm pie pan with it. Pour rhubarb/berry mixture into the prepared lined pan and put in the fridge.
Roll out rest of the dough and perforate using a round-shaped cutter (piping tip).
Cut out as many leaves as you can with a paring knife. Vein the leaves with the dull side of the knife.
Place the perforated dough on top of rhubarb/berry mixture. Pinch edges of crusts together to seal.
Glue the leaves using some egg wash around the edges.
Brush top and edges of the pie with egg wash and sprinkle with granulated sugar.

Bake at 175°C (350°F) for 50-60 minutes (start checking after 30-40 minutes so the crust don't brown too much) until filling is bubbly. If at any time during baking the crust start to get too dark, cover it with aluminum foil and continue baking until the pie is done.
Leave to cool completely in room temperature before serving with vanilla ice cream.

 

6 comentários :

  1. Que tentação!!! Yummy!!! Bjinhos e bom fds.

    ResponderEliminar
  2. bom, eu nem tenho bem palavras, é das coisas mais bonitas que já vi e as fotos trazem-me uma sensação tão mas tão grande de paz, de lar, de sossego e conforto, uma intensa felicidade que se transmite por toada a parte. Mas isso é algo que ocorre regularmente nas tuas fotos, trazem-me sempre essa sensação de lar, de uma vida completa e tão mais simples, tão mais pura que aquilo que a sociedade de hoje vende.
    http://bloglairdutemps.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ruth, é tão interessante saber o que as minhas imagens transmitem, deves ser uma pessoa extremamente sensível para captar isso tudo, não fazia ideia do que poderia transmitir nas fotos e fico muito feliz por saber, faz muito sentido :)
      Muito obrigada pelas tuas palavras que me deixam sempre de coração cheio ♥
      Um grande beijinho

      Eliminar
  3. Concordo querida Patrícia :)
    É uma sobremesa maravilhosa, que sabe sempre bem! Uma bola de gelado faz toda a diferença :)
    E a junção do ruibarbo com os mirtilos e as framboesas fica tão boa!
    Adorei o formato, ficou linda!
    As tuas fotografias são um espanto, é sempre um prazer passar aqui!
    Um beijinho querida

    ResponderEliminar
  4. Obrigada querida Joana, as tuas palavras deixam-se sempre a sorrir ♥
    Bjinhoos

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita...
Comentários, dúvidas ou sugestões são sempre bem vindos!