Tarte de ruibarbo e pistácio

copy018

Finalmente chegou a altura de colher o ruibarbo da horta que tem crescido a olhos vistos. Mil e uma receitas turbilhavam na minha mente. Um dia penso numa depois no outro já me apetece outra coisa… Após longos momentos de reflexão e de inspiração lá acabei por me decidir por esta delícia da qual não me arrependo.

Esta tarte é pura tentação. É composta por uma base de massa areada que só por si já é deliciosa, recheada com um maravilhoso creme de amêndoa e pistácio e coberta por ruibarbo previamente escaldado num xarope de açúcar e rosa que lhe confere doçura e suavidade. A dupla de sabores é irresistível.

 

copy020

 

Tarte de ruibarbo e pistácio

Adaptada daqui

Base

  • 130g de farinha
  • 60g de manteiga
  • 30g de açúcar
  • 1 gema de ovo
  • 2 c. (sopa) de água
  • 1 pitada de sal

Ruibarbo

  • 350g de ruibarbo
  • 80g de açúcar
  • 80g de água
  • 1/2 (café) de essência de rosa ou baunilha

Creme de pistácio

  • 50g de amêndoa moída
  • 50g de pistácios (usei s/ pele)
  • 60g de açúcar
  • 1 ovo
  • 25g de manteiga derretida
  • 1 pitada de sal

 

MASSA AREADA

Thermomix- Bimby: Colocar todos os ingredientes no copo e misturar uns segundos na Vel. 4, até conseguir moldar uma bola. Se necessário adicionar mais farinha. Envolver em película aderente e reservar no frigorífico 15 a 30 minutos.

Tradicional: Num recipiente, misturar a farinha, o açúcar e o sal. Juntar a manteiga aos bocados, a gema, a baunilha e trabalhar manualmente até conseguir formar uma bola não pegajenta. (Se necessário, juntar mais farinha). Envolver em película aderente e reservar no frigorífico durante 15 a 30 minutos.

Estender a massa e forrar uma tarteira retangular (ou de Ø20) e reservar no frigorífico.

RUIBARBO

Lavar os talos de  ruibarbo (não precisar tirar a pele). Cortar vários troços da mesma largura da forma (o ideal será medir já com a forma forrada com a massa).  

Ferver a água com o açúcar e a essência. Mergulhar metade dos troços durante 3 minutos, retirá-los com uma escumadeira e colocar a escorrer num prato. Repetir a operação com os restantes troços. Deixar a calda ao lume para reduzir até cerca de 2/3 (para pincelar no fim).

CREME DE PISTÁCIO

Num processador, triturar os pistácios com a amêndoa moída e o açúcar. Juntar o ovo, a manteiga derretida e o sal e misturar bem até obter um crème homogéneo. (Thermomix – Bimby: Pulverizar os pistácios com a amêndoa e o açúcar. Juntar os restantes ingredientes e misturar na vel. 3/4).

MONTAGEM

Ligar o forno a 200ºC. Espalhar o creme na base, cobrir com os troços de ruibarbo em 2 camadas e reservar no frigorífico enquanto o forno aquece.  Levar ao forno a 180ºC cerca de 30 minutos. Ao retirar, pincelar com a calda. Reservar no frigorífico até servir.

NOTA: Caso use uma tarteira maior terá de fazer 1,5x estas quantidades.

 

copy032

copy035

copy062

copy069

17 comentários :

  1. Que receita deliciosa! Onde posso comprar o ruibarbo? Obrigada :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O ruibarbo pode encontrar no El Corte Inglès, em alguns mercados locais, no Mercado da Ribeira em Lisboa, no mercadinho do Príncipe Real, nos supermercados Brio, no Continente.
      Obrigada :)

      Eliminar
  2. Que receita mais chique! Amei, e parece muito deliciosa, embora nunca tenha provado ruibarbo, o que me deixou bem curiosa. Vou salvar em favoritos para experimentar.
    Beijos!

    ResponderEliminar
  3. A tarte está absolutamente linda... como sempre aliás!
    Ainda não me aventurei no ruibarbo... mas estará para breve :)
    Grande beijinho

    ResponderEliminar
  4. Nunca provei ruibarbo, gostei do recheio , ficou uma tarte linda
    bj

    ResponderEliminar
  5. A tarte ficou lindissima Patrícia. E como eu adoro pistácios. Acho que ia adorar uma fatia pequenina dessa maravilha :)

    ResponderEliminar
  6. Deve ser uma tarte fantástica e deliciosa!

    ResponderEliminar
  7. Nunca comi ruibardo, mas adorei o aspecto da tarte.
    bjinho

    ResponderEliminar
  8. Linda!! És um espetáculo :) adoro cá passar e saborear as imagens lindas e as receitas tão delicadas e docinhas. A tarte ficou linda. Também já andei de volta do ruibarbo.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  9. Ai menina... o que sai das tuas mãos, sai perfeitíssimo!!!
    Nada a apontar e ruibarbo! ADORO :-)
    Beijinhos bigs
    C

    ResponderEliminar
  10. Está tão linda e apetitosa Patrícia!!
    Adoro as cores, adoro o recheio e esse verde que timidamente se deixa mostrar. Tudo lindo e, imagino, magnífico, pois adoro todos os ingredientes que a compõem.
    Um beijinho,
    Lia.

    ResponderEliminar
  11. Nunca provei ruibarbo mas o aspecto da tarte é delicioso!!!!

    ResponderEliminar
  12. Fiz este bolo no fim de semana. Ficou muito bom. Obrigada pela receita.

    ResponderEliminar
  13. Olá! O ruibarbo é nacional? :) Obrigada e cumprimentos

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita...
Comentários, dúvidas ou sugestões são sempre bem vindos!