segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Pavlova banoffee

Com este post me despeço de 2013, desejando a todos os meus queridos leitores um bom ano novo, cheio de saúde, alegria, com muito amor à mistura e força para ultrapassar os obstáculos. Aproveitem cada dia ao máximo e façam aquilo que mais vos dá prazer. Agradeço pelo carinho que sempre demonstram, é muito recompensador e só me dá vontade de continuar mais e mais. Este blogue tem me dado muita coisa boa.

Para o fim do ano escolhi esta sobremesa, baseei-me em duas receitas do blog que adoro, o bolo banoffee e a pavlova que têm sido um sucesso e são uma tentação. Esta pavlova tem tudo de bom. De baunilha, recheada com doce de leite, banana e chantilly.

 

Pavlova banoffee

   Merengue

  • 4 claras de ovo
  • 150g de açúcar
  • 1 c. (chá) de vinagre
  • 2 c. (chá) de maizena
  • 1 c. (sob.) de pasta de baunilha (ou extracto)

    Cobertura

  • 1 a 2 bananas da Madeira
  • 200g de doce de leite
  • 200ml de natas, com 30% de m.g.
  • 2 c. (sopa) de açúcar em pó
  • Sumo de limão
  • Cacau p/ polvilhar
  • Raspas de chocolate

     

Pré-aquecer o forno a 150ºC. Forrar um tabuleiro com papel vegetal e desenhar 1 círculo de 19cm de diâmetro no verso do papel.

Merengue

TMX-Bimby:

Com o copo bem seco, colocar o açúcar e pulverizar 15 seg/vel 9. Retire e reserve. Colocar a borboleta e bater as claras 3 min/vel 4 sem o copo medida. Se ainda não estiverem muito firmes bata mais 30 seg. à mesma velocidade. Com a Bimby em funcionamento na vel. 3 adicione pelo bocal o açúcar aos poucos, o vinagre e o extracto ou pasta de baunilha. Por fim a maizena e bater mais uns segundos.

Tradicional:

Bater as claras e quando começar a formar picos suaves nas varas, juntar o açúcar aos poucos. Quando estiverem firmes,  juntar a pasta ou extracto, o vinagre e bater um pouco. Por fim envolver a maizena, delicadamente.

Montagem

Espalhar o merengue no papel, de forma a obter um círculo. Com uma espátula formar uma ligeira cova no meio deixando os bordos mais altos. Colocar no forno inicialmente a 140ºC e passado 15 minutos reduzir para 120ºC durante cerca de 1h30. Deixar arrefecer completamente no forno com a porta entreaberta. (Se verificar que começa a escurecer, baixar um pouco a temperatura).

Montagem:

Colocar a base do suspiro num prato. Caso necessário, diluir o doce de leite com um pouco de natas em lume brando, para que fique mais fluído. Espalhar metade do doce de leite na cavidade do suspiro, colocar rodelas de banana, previamente passadas por sumo de limão (para não escurecerem). Espalhar o restante doce de leite por cima. Bater as natas (bem frias) com umas gotas de limão. Juntar o açúcar e continuar a bater até ficarem bem firmes. Espalhar as natas no topo da pavlova, formando picos. Espalhar umas rodelas de banana e polvilhar com cacau e raspas de chocolate.

32 comentários :

  1. Lindaaaaaaaaa...... só me apetece ir para a cozinha fazer esta maravilha.. :)
    beijinhos e um excelente 2014. que nos continues a presentear com estas receitas maravilhosas.. :)
    beijinhos

    Mafalda
    http://masterchefdealgibeira.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Ficou uma delicia, linda e perfeita.

    Um Bom Ano, tudo de bom para 2014.

    Beijinhos
    Paula

    ResponderEliminar
  3. Patrícia,a tua pavlova tem um ar tão guloso!...e posso dizer que ficou perfeita.Uma deliciosa despedida de 2013.Eu não tive coragem de criar um post de "despedida".Ficou sempre nostálgica no fim de ano e custa-me despedir-me :(
    Desejo-te boas entradas e um ano cheio de boas supresas.
    bjns

    ResponderEliminar
  4. Olá Patricia,
    vim espreitar o teu sonho e descobri que é parecido com o meu, tem o mesmo nome, mas não é igual e por isso vou continuar a sonhar com ela... a pavlova que é das minhas sobremesas favoritas!
    Quero agradecer-te pelas nossas "conversas", pelo teu carinho e gentileza e desejar-te um 2014 repleto de coisas boas, muitos sorrisos, sonhos realizados e recheado de muito amor.
    Bjs

    ResponderEliminar
  5. Que aspecto maravilhosoooo!!!
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  6. Verdadeiramente decadente, até dá vontade trincar o monitor! :)
    Feliz 2014!*

    ResponderEliminar
  7. Adorable tu Pavlova, perfecta. Pienso probarla sin mucho tardar. Es de los pasteles más deliciosos y asombrosos. Tu idea de adaptarla al banofee me parece soberbia. Bravo!!!

    ResponderEliminar
  8. estou encantada com esta pavlova! não haveria melhor forma de acabar o ano, melhor havia hehe que era ter uma assim na minha mesa de passagem de ano! mas como nunca fiz acho que é um bom desejo para 2014! experimentar fazer pavlovas :) feliz 2014 e tudo de bom**

    ResponderEliminar
  9. Uma linda sugestão para terminar 2013 e dar início a um 2014 que se quer muito feliz, com muita saúde e amor :*

    ResponderEliminar
  10. Uau, que bela maneira de terminar 2013! Está linda, a junção de 2 das minhas sobremesas preferidas, e mais que bonita deve estar deliciosa... Feliz 2014 :)

    ResponderEliminar
  11. Bom Ano Novo e que realizes todos os teus objectivos!

    ResponderEliminar
  12. Fantástica a tua pavlova, não fosse eu mega fan de tudo o que leva claras e açúcar e ainda juntas a minha fruta preferida! Adorei e espero que passes um ano muito feliz.

    ResponderEliminar
  13. Que deliciosa pavlova! Hum...fiquei fã desta versão!
    Desejo-te um ano repleto de saúde, amor, paz e muitos sucessos! FELIZ ANO NOVO!
    bjs

    ResponderEliminar
  14. :-) que linda ficou esta pavlova... nem tenho palavras. Parece a carruagem da Cinderela em forma de pavlova! ADOREI...AMEI...
    Com um final de 2013 desta forma, desejo que 2014 te traga muitas destas coisas maravilhosas para partilhares.
    Beijinhos
    CláudiaV.

    ResponderEliminar
  15. Ficou tão linda!
    É uma sobremesa muito elegante...Nunca experimentei com banana...mas deve ser delicioso!
    Parabéns pelo belo trabalho aqui no blog!

    Sílvia
    http://bocadinhosdeacucar.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  16. Recentemente comecei a acompanhar o blog e devo dar os Parabéns!
    Então esta Pavlova arrasa mesmo de tão linda que está.
    Tenho explorado este cantinho com todo o gosto! :)

    Excelente 2014!

    Susana

    ResponderEliminar
  17. Que linda Pavlova! Uma excelente ideia de cobertura, adorei, mesmo!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  18. Olá Patrícia,
    Pavlova é um dos meus bolos preferidos...mesmo!
    adorei esta tua receita, deve ser muuuito boa :))
    beijinhos

    ResponderEliminar
  19. Ficou um espetáculo e certamente bem delicioso com as bananas e o doce de leite!
    Bom ano 2014 e tudo de bom!
    Bjs, Susana

    ResponderEliminar
  20. Bom dia, peço desculpa pela pergunta "parva" mas doce de leite é o leite condensado cozido? será?
    Obrigada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim é a mesma coisa. Mas tenho a receita também:
      http://www.cocoebaunilha.com/2010/08/doce-de-leite.html

      Eliminar
  21. Bom dia! Já tentei por 3 vezes fazer o merengue na bimby e corre mal. As claras sobem muito bem, mas mesmo no final ao acabar de acrescentar o açucar e quando junto a maisena, abatem. O que posso estar a fazer de errado? Obrigada!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá...desculpe por responder só agora.
      Experimente o procedimento com uma batedeira normal.
      Ou então, se fizer na bimby, retire no final o merengue para uma taça e envolva com uma espátula, delicadamente a maizena peneirada.

      Espero ter ajudado :)
      Bjinho

      Eliminar
  22. Vou experimentar! Muito obrigada e Parabéns pelo blog maravilhoso!!

    ResponderEliminar
  23. Ficou lindíssimo este pavlova!

    Recanto com Tempero
    http://recantocomtempero.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  24. Olá Patrícia,
    Ando aqui numa pesquisa sobre pavlovas, pois nunca arrisquei fazer uma.
    Encontrei a da Helena que me levou à do Célio e que por sua vez me trouxe à tua...
    Não sei o que dizer... está divinal, doce como gosto de certeza e perfeitamente Linda!!!
    Vocês são espetaculares em tudo o que fazem, já eu... nem sempre corre bem e daí o meu receio.

    Beijinhos,
    http://teresadeodatotudoaolho.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  25. Olá Patrícia! A tua receita serviu de inspiração para a minha. Não a fiz completa pois já tinha os frutos vermelhos. Contudo, como me sobraram mais claras, que já congelei, muito em breve quero experimentar a tua versão completa! Depois, venho contar!
    Votos de um 2017 cheio de sorrisos e coisas doces!
    Obrigada
    Ju

    http://manasecompanhia.blogspot.pt/2016/12/pavlova-de-frutos-vermelhos-ju.html

    ResponderEliminar
  26. Olá Patrícia, Adorei esta Pavlova por ser alta e imponente :)
    Já fiz várias e correm sempre bem, no entanto experimentei a fazer alta como a sua e comecou a rachar quando coloquei a cobertura de chantilly. Algum truque para ela se manter alta e firme após recheada? Mto Obrigada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Sofia :)
      Convém que o merengue fique no ponto, sem sinais de açúcar e firme de forma a moldar uma pavlova alta. Depois a temperatura do forno, tem de ser baixa (120ºC) nem que leve 2h no forno. Convém montar assim que retirar do forno ou então envolvê-la em papel de alumínio até à hora de montar. É normal que rache um pouco prncipalmente na cratera mas isso não se verá com a cobertura.
      Outra dica: Quando começar a bater as claras, no ponto espuma, juntar 1 colher (das peq. de café) de cremor tártaro, ajudará a estabilizar as claras.
      Espero que corra bem.
      Obrigada e beijinho ♥

      Eliminar

Obrigada pela visita...
Comentários, dúvidas ou sugestões são sempre bem vindos!