sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Buchty {brioche fofo recheado com chocolate de leite}

O Outono já começou a dar o ar da sua graça e eu confesso que estava desejosa de preparar brioches quentinhos que tornam os dias cinzentos mais doces e aconchegantes . O Buchty é um brioche extramente fofo, originário da Alemanha e de alguns países de leste, recheado com chocolate ou compotas. O leite em pó e a fécula de batata dão-lhe uma textura especial e o recheio de chocolate faz com que desapareça num ápice. Usei quadrados de chocolate de leite mas recomendo Nutella ou creme de chocolate para o recheio. A pressa era tanta que me esqueci de polvilhar com açúcar em pó.

Deixo-vos a receita para experimentarem este fim de semana e obrigada por estarem aí desse lado.

Buchty {brioche fofo recheado com chocolate de leite}

Adaptada do blog Amour de Cuisine

  • 300g de farinha tipo 55
  • 12g de fermento fresco (meio cubo)
  • 40g de açúcar
  • 3 ovos
  • 2 c. (sopa) de leite em pó
  • 1 c. (sopa) de fécula de batata
  • 1/2 c. (café) de sal
  • 50g de manteiga, à temperatura ambiente
  • 50ml de leite
  • Raspas de limão
  • 1 c. (sopa) de água de flor de laranjeira (ou essência de baunilha)
  • 150g de chocolate de leite ou melhor Nutella
  • Gema de ovo para pincelar e açúcar em pó para polvilhar

 

 

Forrar uma forma (ou mesmo um tabuleiro) quadrada de 20 x 20 cm, com papel vegetal.

Máquina de fazer pão: Colocar na cuba, o leite, o fermento desfeito, o leite em pó, os ovos, o açúcar, as raspas de limão e a água de flor de laranjeira. Espalhar a farinha, a fécula de batata e o sal por cima. Selecionar o programa “Massa”. Quando se formar uma bola, juntar a manteiga aos bocados e deixar amassar até ao final do programa. Se necessário acrescentar mais um pouco de farinha. Deixar levedar 1h dentro da cuba  ou até dobrar de volume.

Thermomix - Bimby: Colocar no copo o leite, o açúcar, o fermento, os ovos, o leite em pó, as raspas de limão e a água de flor de laranjeira e programe 20seg/Vel 2. De seguida adicione a farinha, a fécula de batata, o sal e programe 2min/Vel espiga. Juntar a manteiga e programar 6min/Vel espiga (Se necessário juntar mais um pouco de farinha). Formar uma bola e reservar num recipiente tapado cerca de 1h ou até dobrar de volume.

Tradicional: Num recipiente, misturar bem o leite, o fermento desfeito, o leite em pó, os ovos, o açúcar, as raspas de limão e a água da flor de laranjeira. Espalhar a farinha, a fécula de batata e o sal por cima. Misturar com uma colher de pau e amassar bem manualmente até conseguir formar uma bola. Juntar a manteiga aos poucos e amassar até ficar completamente integrada e obter uma bola lisa (não pegajenta). Deixar a massa levedar 1h ou até dobrar de volume, tapada num local abrigado.

Colocar a massa na bancada, amassar um pouco de forma a retirar-lhe o ar, pesá-la e dividi-la em 12 partes iguais. Estender cada parte em forma circular, colocar 2 quadradinhos de chocolate de leite ou nutella no meio e fechar formando uma bola. Proceder da mesma forma com as outras partes. Colocar as bolas dentro da forma e deixar levedar mais 1hora. Pré-aquecer o forno a 180ºC. Pincelar com gema de ovo e levar ao forno durante cerca de 30 minutos (fazer teste do palito). Polvilhar com açúcar em pó (opcional).

 

 

 

 

 

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Chocolate ombre layer cake

Mais um ano passou e no passado dia 12 celebrámos mais uma primavera do meu anjinho. Como ele adora chocolate, imaginei um bolo de cacau, em castanho gradiente coberto com um delicioso creme de chocolate, decorado com rosas e com um coração na lateral. É um bolo intenso, ideal para dias de festa. Tem 16cm de diâmetro mas fica bem alto e rende bastante. O buttermilk confere-lhe uma textura macia e deliciosa. Não é muito fácil obter a cor certa e contraste usando cacau para colorir. O efeito gradiente ficou muito suave.

 

Chocolate ombre layer cake

Bolo de cacau  (Adaptado do blog El Rincón de Bea)

(Para 5 formas de 16cm)

  • 375g de farinha c/ fermento
  • 250g de manteiga, à temperatura ambiente
  • 350g de açúcar
  • 4 ovos
  • 250ml de buttermilk (ver receita abaixo)
  • 1 vagem de baunilha (raspada) ou 1 c. (sob.) de pasta de baunilha
  • 55g de cacau (de boa qualidade)

 

Forrar 5 formas de 16cm com papel vegetal (ou 4 de 18). Preparar o buttermilk, adicionando 2 colheres de sopa de sumo de limão dentro de uma taça de 250ml de leite e deixar em repouso até coalhar (cerca de 10 a 15min.)

Thermomix-Bimby: Bater a manteiga (amolecida), o açúcar e a pasta de baunilha (ou sementes raspadas) durante  4 minutos na vel. 3, até obter um creme esbranquiçado e fofo. Adicionar os ovos, um de cada vez e bater 1min/vel. 3 por cada ovo. Por fim, alternar entre a farinha e o buttermilk e misturar uns segundos na vel.3 até ficar homogéneo.

Tradicional: Bater a manteiga (amolecida), o açúcar e a pasta de baunilha (ou sementes raspadas) durante  4 minutos em velocidade média, até obter um creme esbranquiçado e fofo. Adicionar os ovos a velocidade baixa, um de cada vez. Por fim alternar entre a farinha e o buttermilk e misturar até ficar homogéneo.

Pesar e dividir a massa em 5 partes iguais. Num das taças adicionar 25g de cacau e 15g, 10g, 5g respectivamente nas outras 3. Deixar uma taça sem cacau. Deitar a massa em cada forma e alisar bem (assinalando as mesmas com um lápis para saber depois qual a sequência de cores). Levar ao forno (dois a dois) até estarem cozidos (testar com um palito). Deixar arrefecer um pouco e desenformar em cima de uma grelha.

 

Buttercream de chocolate   (Adaptado daqui)

  • 300g de chocolate negro (de boa qualidade)
  • 350g de manteiga s/ sal, à temperatura ambiente
  • 30g de cacau em pó
  • 150g de açúcar em pó
  • 2 pitada de sal
  • 2 c. (sopa) de crème fraîche
  • 1 c. (café) de pasta de baunilha

 

Derreter o chocolate em banho-maria e deixar arrefecer até ficar à temperatura ambiente (TMX-Bimby: uns minutos na vel. 2/temp. 50º). Peneirar o açúcar em pó, o sal e o cacau.  Poderá usar um pouco de chocolate derretido para moldar um coração, utilizando uma forminha de silicone.

Thermomix-Bimby: Colocar a manteiga no copo e programar 8min/vel. 3. Juntar aos poucos a mistura de açúcar/cacau e continuar a bater na vel.3. Incorporar o chocolate derretido, a pasta de baunilha e a crème fraîche e bater na vel. 3 até ficar homogéneo. Se necessário, colocar um pouco no frigorífico até obter a consistência desejada.

Tradicional: Bater a manteiga (mole) durante cerca de 8 minutos na vel. média, até obter um creme esbranquiçado e brilhante(desta forma não terá o sabor intenso a manteiga). Juntar aos poucos a mistura de açúcar/cacau e continuar a bater. Incorporar o chocolate derretido, a pasta de baunilha e a crème fraîche e bater até ficar homogéneo. Se necessário, colocar um pouco no frigorífico até obter a consistência desejada.

Montagem

Colocar a camada mais clara na base do prato e barrar uma camada fina de creme. Continuar com o mesmo procedimento até à última camada. Aparar um pouco as laterais do bolo com uma faca, caso seja necessário. No topo espalhar uma boa camada de creme assim como nas laterais. Alisar bem com uma espátula. Com um saco pasteleiro e um bico tipo 1M, formar umas rosas no topo.

Colocar o bolo no frigorífico durante uma noite. Retire do frigorífico 20 minutos antes de servir.

 

 

 

 

 

 

 

sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Clafoutis de amora

Os dias estão cada vez mais pequenos e frescos. O verão já começa a despedir-se e temos que aproveitar ao máximo as frutas desta estação. Já tenho a dispensa cheia de doces e compotas para me deliciar ao longo do ano. Fiz de amora, framboesa, frutos vermelhos, ameixa e figo. Deixo-vos uma sugestão bem simples e rápida para o fim de semana. Tinha ainda um resto de amoras silvestres e um clafoutis fica sempre bem com qualquer fruta.

Clafoutis de amora

 

  • 90g de farinha
  • 100g de açúcar
  • 2 ovos
  • 1/2 l de leite morno (pode ser vegetal)
  • 300g de amoras
  • 1 pitada de sal
  • 1 vagem de baunilha / 1 c. (sob.) de pasta de baunilha
  • 1 c. (sopa) de rum

 

Thermomix-Bimby: Colocar no copo os ovos e o açúcar e misturar uns segundos na vel. 3. Colocar os restantes ingredientes e misturar 20 seg/ Vel 4 ou até obter um creme homogéneo.

Tradicional: Bater os ovos com o açúcar, juntar o sal, o rum, a pasta de baunilha,  misturar bem, de seguida a farinha e por fim o leite. Misturar até ficar homogéneo.

Espalhar as amoras no fundo da(s) forma(s) untada(s)com manteiga e verter o preparado por cima. Levar ao forno a 180ºC até estar cozido (deverá ficar firme ao toque). Deixar arrefecer completamente e colocar no frigorífico umas horas. No dia seguinte ainda saberá melhor.

 

 

 

 

 

domingo, 1 de setembro de 2013

Quadrados de cheesecake de limão e amoras silvestres

Tenho me dado conta que afinal há imensas silvas aqui pelas redondezas. É incrível o facto de não ter reparado antes na quantidade de amoras espalhadas por todo o lado. Durante as minha viagens de carro não faço outra coisa agora que olhar para os lados, a ver se descubro mais um tesouro e ontem descobri uma zona carregada de amoras daquelas bem carnudas e suculentas. Tanto eu como o meu filho delirámos ao ver o que nos esperava, nem sabíamos por onde começar!! E desta vez eram bem mais acessíveis e à sombra…

E foi assim que surgiu este cheesecake que é simplesmente divinal. A combinação limão-amora é ótima. Ao preparar o molho, juntei-lhe crème fraîche que engrossa com o sumo de limão e fica com uma boa consistência para barrar os quadrados. Nem tenho palavras para descrever o sabor… só vos posso dizer que cada dentada é puro prazer!

Quadrados de cheesecake de limão e amoras silvestres

Base:

  • 200g de bolachas “Petit Beurre” (ou Maria)
  • 85g de manteiga derretida

Cheesecake:

  • 500g de queijo creme tipo Philadelphia (usei 200g de Philadelphia light + 300g de petit suisse natural a 40% )
  • 120 ml de crème fraîche (usei light)
  • 1 vagem de baunilha ou 1 c. (sobremesa) de pasta de baunilha
  • Raspas de 2 limões
  • 2 c. (sopa) de sumo de limão verde
  • 165g de açúcar
  • 2 ovos
  • 150g de amoras silvestres

Molho:

  • 200g de amoras silvestres
  • 50g de açúcar
  • 5 c. (sopa) de crème fraîche
  • 1 c. (sopa) de sumo de limão

 

 

Preparar o cheesecake de véspera. Untar e forrar com papel vegetal uma forma rectangular (20 x 30).

Thermomix-Bimby: Colocar as bolachas no copo e dar 2 ou 3 golpes de turbo. Juntar a manteiga e misturar 10 seg /vel. 6. Espalhar a bolacha uniformemente no fundo da forma pressionando com a ajuda do copinho para alisar. Reservar 30 minutos no frigorífico. No copo, bater o queijo creme, o açúcar, as raspas de limão e as sementes de baunilha uns segundos na Vel.4. Juntar os ovos, um  de cada vez, bater na Vel.4, entre cada adição até ficarem bem incorporados. Juntar o crème fraîche e o sumo de limão e bater na Vel. 4 até ficar homogéneo.

Tradicional: Triturar as bolachas. Misturar bem com a manteiga amolecida até obter uma mistura areada e cobrir uniformemente o fundo da forma pressionando com a ajuda de um copo para alisar. Reservar 30 minutos no frigorífico. Bater o queijo creme com o açúcar, as raspas de limão e as sementes de baunilha previamente raspadas. Juntar os ovos, um a uma, misturando bem entre cada adição. Juntar o crème fraîche e o sumo de limão e bater na Vel. 4 até ficar homogéneo.

Espalhar umas amoras na base verter o creme e espalhar mais amoras por cima. Levar ao forno pré-aquecido durante cerca de 45 a 50 minutos a 160ºC. Colocar um tabuleiro com água a ferver na base do forno para criar vapor durante a cozedura. Deixar arrefecer e colocar no frigorífico durante uma noite no mínimo.

Preparar o creme de amora. Colocar as amoras, o sumo de limão e o açúcar num tachinho e levar ao lume uns minutos até evaporar a água (mexendo de vez em quando). Juntar o crème fraîche e mexer bem e quando estiver a ferver juntar mais umas gotas de limão, mexendo sempre até engrossar um pouco. Retirar do lume e deixar arrefecer. Servir bem frio e barrar os quadrados de cheesecake.