Iogurte de lavanda com compota de pêssego e baunilha

Mais uma combinação exótica para a colecção de iogurtes aqui do blog. Nem todos irão gostar deste iogurte perfumado de lavanda mas garanto-vos que é uma verdadeira delícia, saboreado com a compota de pêssego ou mesmo simples. Podem sempre controlar o aroma, deixando mais ou menos tempo de infusão, consoante o gosto pessoal.

Iogurte de lavanda com compota de pêssego e baunilha

Iogurte

  • 1l de leite meio-gordo (fresco tipo Vigor)
  • 3 c. (sopa) de leite em pó (magro)
  • 60g de açúcar amarelo
  • 1 c. (sobremesa) de lavanda seca
  • 1 iogurte natural

Compota

  • 4 a 5 pêssegos bem maduros, s/pele e descaroçados
  • 3 c. (sopa) de açúcar amarelo
  • 1/2 vagem de baunilha (usei 1 c. café de pasta de baunilha)

 

 

Compota

Thermomix-Bimby: Coloque no copo os pêssego, o açúcar e as raspas ou pasta de baunilha e programar 10 min/Temp Varoma/Vel 2. Distribuir a compota pelos copinhos e deixar arrefecer.

Tradicional: Colocar num tachinho, os pêssegos, o açúcar e as raspas ou pasta de baunilha e levar ao lume uns 10 minutos ou até evaporar a água e obter uma compota. Distribuir pelos copinhos e deixar arrefecer.

Iogurte

Thermomix-Bimby: No copo colocar o leite, o leite em pó, o açúcar e misturar na 15seg/vel 4. Programar 9 min/90º/vel.3. Colocar a lavanda e manter em infusão cerca de 5 minutos (o melhor será provar e coar assim que o sabor seja do seu agrado). Coar o leite e deixar arrefecer. Quando estiver morno, juntar o iogurte natural e misturar novamente uns segundos na vel. 3.

Tradicional: Levar ao lume o leite, o leite em pó, o açúcar e misturar com um fouet até ficar bem dissolvido. Quando levantar fervura retire do lume, introduzir a lavanda e manter em infusão cerca de 5 minutos (o melhor será provar e coar assim que o sabor seja do seu agrado). Coar o leite e deixar arrefecer. Quando estiver morno, juntar o iogurte natural e misturar com um fouet até ficar bem integrado.

Distribuir pelos copos e levar à iogurteira cerca de 10 horas. No final do tempo colocar as tampas e reservar no frigorífico pelo menos 4 horas antes de consumir. Caso não tenha iogurteira, deverá abafar bem os copos com uma manta polar, dentro do forno previamente aquecido a 50ºC, cerca de 12 horas.

 

 

 

 

 

 

Tarte rústica de alperce, amêndoa, flor da laranjeira e lavanda ::: Açúcar de lavanda

Hoje trago uma tarte da época frutada e aromática… Aqui perto de casa há um pequeno campo com lavanda e assim que a vi florida, em lindos tons púrpura, não resisti em colher uns raminhos. Imaginei uma tarte rústica de alperce e amêndoa com aroma de flor de laranjeira – uma combinação que adoro - e com um toque de lavanda que lhe confere um toque bem especial. Usei farinha de trigo, centeio e amêndoa para que ficasse mais rústica e crocante. A vontade de ligar o forno não era muita mas aproveitei para a fazer de manhã, pela fresquinha. Posso dizer que ficou maravilhosa. Partilho também a receita de um delicioso açúcar aromatizado com lavanda, que fica óptimo em bolos e sobremesas.

Aproveito para apresentar uma bela revista digital Vida Todo Dia, direcionada ao público feminino. O Coco e Baunilha foi um dos blogs convidados para esta última edição. Obrigada querida Larissa pelo convite!

 

Tarte de alperce, amêndoa, flor de laranjeira e lavanda

    Massa

  • 250g de farinha (200g trigo + 50g centeio)
  • 20g de amêndoa moída (c/ pele)
  • 80g de açúcar amarelo
  • 1 ovo
  • 70g de manteiga c/ sal
  • 25g de leite frio

   Recheio

  • 400g de alperce maduros, descaroçados e em metades
  • 180ml de natas (usei creme de arroz, bio da Provamel)
  • 2 ovos
  • 50g de açúcar de lavanda (receita mais abaixo)
  • 25g de farinha
  • 30g de amêndoa moída (c/ pele)
  • 1 c. (chá) de água de flor de laranjeira

 

Massa

Thermomix- Bimby: Pulverizar o açúcar uns segundos na vel. 9. Colocar os restantes ingredientes no copo e misturar uns segundos na Vel. 4, até conseguir moldar uma bola. Se necessário adicionar mais farinha. Envolver em película aderente e reservar no frigorífico 30min.

Tradicional: Num recipiente, misturar a farinha, a amêndoa moída e o açúcar. Juntar a manteiga aos bocados, o ovo, o leite e trabalhar manualmente até conseguir formar uma bola não pegajenta. (Se necessário, juntar mais farinha). Envolver em película aderente e reservar no frigorífico durante 30 min.

Estender a massa e forrar uma tarteira ou forma rectangular (30x20). Colocar papel vegetal na base e uns feijões por cima e levar ao forno pré-aquecido uns 10 minutos. Deixar arrefecer.

Recheio

Thermomix-Bimby: Colocar os ovos, o açúcar de lavanda, as natas, a água de flor de laranjeira, a farinha, a amêndoa e misturar 20 seg/Vel 3.

Tradicional: Numa taça, misturar os ovos com o açúcar. Juntar os restantes ingredientes e misturar até ficar homogéneo.

Espalhar as metades de alperce na base e despejar o creme na forma. Levar ao forno cerca de 35 a 45 minutos ou até estar firme ao toque.

 

 

 

 

 

 

Açúcar de lavanda

Adaptado daqui

  • 400g de açúcar (ou frutose)
  • 1 colher de sopa de flores de lavanda, seca e amassada
  • 1 raminho de lavanda seca

Colher a lavanda, lavá-la e deixar secar um dia ao sol. Misturar o açúcar com as flores de lavanda amassada e colocar num frasco. Enterrar um raminho de lavanda no meio e colocar outro por cima. Fechar e esperar uns dias até usar.

 

Smoothie de manga, coco e chia…que mais parece um creme!

Nestes últimos dias de calor, este tem sido este o meu jantar. Um smoothie nutritivo e tão cremoso que pode ser saboreado á colher. Adoro manga e sabe-me tão bem em batidos que já estou viciada. Faltava-me no entanto experimentar as ricas sementes de chia que tanto vejo pela blogosfera. O sabor é praticamente neutro e deixa uma textura maravilhosa em batidos, sem falar nos seus inúmeros benefícios. Convém hidratar previamente as sementes para incharem e obter mais cremosidade. Podem substituir o crème fraîche por fromage blanc  se preferirem.

 

Smoothie de manga, coco e chia

    

  • 1 manga madura (450g), bem fria
  • 2 c. (sopa) de chia
  • 100ml de leite de coco
  • 2 iogurtes naturais
  • 200g de crème fraîche (15%m.g.)
  • 2 c. (sopa) de açúcar amarelo (adoçar a gosto)
  • 1/2 vagem de baunilha (raspada) ou 1 c. (café) de pasta de baunilha
  • umas gotas de sumo de limão

 

Colocar as sementes de chia numa taça com o leite de coco e misturar. Deixar repousar 30 min até as sementes absorverem o leite, mexendo de vez em quando.

Thermomix-Bimby: Colocar os ingredientes todos no copo, incluindo as sementes de chia + leite de coco e pulverizar 1min/vel.9.

Tradicional: Colocar os ingredientes todos no liquidificador, incluindo as sementes de chia + leite de coco e misturar na vel. máxima durante 1 minuto. Também pode usar a varinha mágica, caso não tenha liquidificador.

Distribuir em copos ou taças e refrigerar. Para servir com palhinha grossa ou com colher.

 

 

 

Tiramisu semifreddo & ice cream

 

Parece que o verão veio para ficar. Por aqui no Algarve, são dias de campo e de praia com a companhia da natureza. Depois de uma temporada em Lisboa confesso que já tinha imensas saudades e agora valorizo muito mais. Sabe tão bem!

Quem consegue resistir a um gelado de tiramisu? Um clássico e um dos meus sabores favoritos…  Fica uma delícia e muito cremoso com creme fraiche e mascarpone. O semifrio fica muito vistoso como sobremesa e deve ser saboreado meio derretido.

 

Tiramisu semifreddo & ice cream

   Semifreddo e gelado:

  • 4 ovos
  • 120g de açúcar
  • 250g de creme fraiche (usei com 15% m.g.)
  • 250g de mascarpone
  • 24 palitos La Reine
  • 100ml de café expresso frio
  • 25ml de rum (usei baunilhado)
  • cacau em pó para polvilhar

Thermomix – Bimby: Com a borboleta no copo, bater as gemas com metade do açúcar 4min/37º/vel.3 e reservar numa taça. No copo bem limpo e com a borboleta, bater as claras em castelo com a outra metade do açúcar 4min/vel.3 (sem o copinho) e reservar. Por fim bater as o creme fraiche com o mascarpone e o rum, 1min/vel.3. Com um fouet, misturar delicadamente o creme de gemas com o creme de mascarpone e por fim as claras.

Tradicional: Bater as gemas com metade do açúcar até esbranquiçar. Noutra taça bater o creme fraiche com o mascarpone e o rum. À parte, bater as claras em castelo, com a outra metade do açúcar. Misturar delicadamente o creme de gemas com o creme de mascarpone  e as claras.

Forrar uma forma de cake (ou outra) com papel vegetal ou película aderente. Espalhar uma camada de creme. Embeber rapidamente cada palito no café e dispor por cima do creme, deixando um espaço entre cada. Cobrir com creme e repetir a operação. Levar ao congelador até ficar bem firme. Desenformar, polvilhar com cacau e esperar uns minutos antes de servir. Se optar por fazer o gelado, não precisa desenformar.

Nota: Esta receita rendeu uma forma de cake pequena (gelado) e outra forma também pequena, de fundo amovível (semifrio). Poderá optar por fazer numa única forma grande.