Tarte de amêndoa, coco, baunilha e framboesa

O frio veio para ficar mas em contrapartida o Algarve nesta altura do ano está lindo e perfumado, as amendoeiras estão todas floridas, umas em tons rosa outras em tons brancos… Ao ver tanta flor apeteceu-me uma tarte primaveril.

Como tinha que escoar o meu stock de claras congeladas e tinha um resto de framboesas, pensei nos deliciosos Financiers que tinha feito há tempos. Mas a amêndoa era pouca por isso pensei em juntar coco e açúcar baunilhado e não é que ficou uma maravilha…! Optei por pulverizar o coco e a textura ficou mesmo boa. É uma tarte simples, daquelas que não necessitam de base.

2012 trouxe mudanças, com esta receita despeço-me do meu Algarve, vou mudar-me para a Capital.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

  Tarte de amêndoa, coco, baunilha e framboesa

 

  • 4 claras de ovo, à temperatura ambiente
  • 85g de coco ralado
  • 30g de amêndoa moída
  • 35g de farinha
  • 100g de açúcar baunilhado caseiro em pó
  • 100g de manteiga
  • 250g de framboesas (usei congeladas)

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

TMX-Bimby:

Pré-aquecer o forno a 180ºC. Forrar a base de uma tarteira com papel vegetal. Pulverizar o coco e a amêndoa moída 1 min/Vel 10. Juntar a farinha, o açúcar baunilhado em pó e a mistura de amêndoa/coco e misturar uns segundos na Vel 5. Juntar as claras* e misturar na Vel 4 até ficar homogéneo. De seguida juntar a manteiga derretida e processar novamente na vel. 4 até ficar bem incorporada. Deitar na forma e espalhar as framboesas por cima e levar ao forno a 180ºC, durante 30 minutos (testar com um palito).

Tradicional:

Pré-aquecer o forno a 180ºC. Forrar a base de uma tarteira com papel vegetal. Num processador, pulverizar o coco e a amêndoa moída. Misturar bem a farinha, o açúcar baunilhado em pó e a mistura de amêndoa/coco. Juntar as claras* e misturar bem. De seguida juntar a manteiga derretida e misturar novamente até ficar bem incorporada. Deitar na forma e espalhar as framboesas por cima e levar ao forno a 180ºC, durante 30 minutos (testar com um palito).

* Nesta receita não é necessário bater as claras em castelo.

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

42 comentários :

  1. Ora que boas novidades, benvinda á capital espero que corra tudo de bom por aqui e nos continues a deliciar com os teus fantasticos iogurtes e não só! um beijo grande!

    ResponderEliminar
  2. Uma tarte de aspecto delicioso. Quanto à partida para a capital quem me dera poder dizer o mesmo. Até lá desejos de uma vida nova cheia de coisas boas :) e sempre acompanhada de delícias como esta.

    ResponderEliminar
  3. Nossa...essas fotos me chamaram tanta atenção que tive que vir aqui correndo pra conferir,pois com certeza teria muitas coisas boas...e acertei...já estou seguindo,pois pretendo voltar sempre...

    Beijinhos

    Sharon
    http://viramexeefaz.blogspot.com

    ResponderEliminar
  4. Olá Patrícia, espero que esta nova fase corra muito bem! E que nos continue a brindar com as delícias a que já nos habituou.
    Boa sorte e muita inspiração!
    Rita.

    ResponderEliminar
  5. Ficou linda! e devia estar uma verdadeira delicia. bjos

    ResponderEliminar
  6. Que linda! Que combinação de sabores maravilhosa.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Patricia, sempre me encantam as tuas receitas, são como uma lufada de ar fresco! Muito bonita esta tua tarte!
    Desejo-te tudo de bom para esta nova etapa a tua vida!
    Boa sorte***

    ResponderEliminar
  8. Bem primaveril e de cores bem femininas e simples!!Que esta nova etapa seja positiva!

    Bjoka
    Rita

    ResponderEliminar
  9. Gosto desta tarte: dos tons suaves e bem primaveris, a lembrar que melhores dias virão, os sabores, delicado e tão bem interligados, da apresentação, sempre simples e elegante. Desejo que as mudanças sejam rápidas e que corra tudo bem pela capital :)

    ResponderEliminar
  10. Obrigada a todas pelas palavras sempre tão simpáticas :) Bjinhos

    ResponderEliminar
  11. Linda linda linda! E com esses ingredientes tem que ser boa :) Gostei também da forma :)

    ResponderEliminar
  12. AMÊNDOA, COCO E FRAMBOESAS ,COISA QUE ADORO.
    ESSA TARTE ERA PERFEITA PARA MIM...FICOU LINDA E ACREDITO QUE UMA DELICIA.
    BJS

    ResponderEliminar
  13. As mudanças esperam-se sempre para melhor, assim o desejo para ti!
    A tarte, como sempre, está fantástica!

    ResponderEliminar
  14. Seja bem-vinda a Lisboa e que esta encantadora cidade servi de inspiração para muitas mais receitas. ADORO o seu blog!
    P.S - Sou de Lagos e agora as minhas idas ao Algarve têm sempre outro sabor...

    ResponderEliminar
  15. Olá Patricia,

    Há algum tempo que sigo o seu blog assiduamente, e tem sempre receitas maravilhosas e originais. Desejo-lhe tudo de bom, nesta mudança "radical".
    As mudanças servem para renovar a alma e geram forças e imaginação para criar, inovar e transmitir energia positiva ao meio envolvente. Continue a partilhar connosco a sua paixão pela vida, com receitas maravilhosas. Felicidades!

    ResponderEliminar
  16. Linda tarte!

    Boas vindas à capital.

    Bjs.

    ResponderEliminar
  17. Patrícia, espero que esta mudança corra bem na sua vida.
    Esta tarte tem um aspecto delicioso, linda mesmo! :)
    Mas eu ainda sou nova nestas artes da culinária e não sei o que é pulverizar o côco num processador. Pode explicar, por favor?
    Obrigada, beijinhos.

    ResponderEliminar
  18. o frio veio mesmo para nos atazanar, mas tu parece que estás a desafiar o calor com esta receita maravilhosa!

    ResponderEliminar
  19. Isso parece simplesmente dos deuses!!! Adorei :)

    ResponderEliminar
  20. boa sorte na mudança
    a tarte esta perfeita
    beijinhos

    ResponderEliminar
  21. Mar-ju, pulverizar o coco ralado é triturá-lo até que fique em pó, mas esta operação é facultativa, poderá usar coco ralado. Obrigada. Bjinhos

    Obrigada a todos <3

    ResponderEliminar
  22. Obrigada pela resposta Patrícia.

    Como não tenho máquina especial para isso, usei a varinha mágica e funcionou muito bem. Já fiz a tarte e já nos deliciamos com ela agora ao almoço!
    Obrigada pela receita.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  23. uau :) sou a nova seguidora deste blogue e espero experimentar novas receitas em breve!

    ResponderEliminar
  24. Uma receita original, mas pela descrição e pelo aspecto deve ter ficado muito boa. E eu adoro framboesas.
    Que corra tudo bem na capital ;)
    Bjs
    Teresa

    ResponderEliminar
  25. Obrigada pela receita. Experimentei-a o fim de semana passado e ficou uma delicia!

    Boa sorte na capital.

    Bjs do outro lado do Atlântico, Canada.
    TC

    ResponderEliminar
  26. Acabei de fazer a tarte, mas fiz numa tarteira redonda e ficou uma camada tão fina, tão fina que quase não dá para saborear. Para a próxima terei de duplicar as medidas (ou comprar uma tarteira igual à tua(quais as medida por favor?)). Tem tão bom aspecto que tenho de dar outra oportunidade :P

    Mónica

    ResponderEliminar
  27. Mónica, eu costumo ver a olho...quando tenho pouca massa uso uma forma mais pequena. A minha tem cerca de 30x11 (aproximadamente). Bjinhos

    ResponderEliminar
  28. Olá Patrícia, comecei agora a acompanhar o seu blog...e estou rendida...
    Gostaria de fazer esta tarte no próximo fim-de-semana, mas...estou com uma dúvida... A forma que tenho é forma de bolo inglês...não consigo encontrar uma semelhante à sua...pode-me dizer onde comprou a sua? Tenho receio que na do bolo inglês não fique tão bem...
    Obrigada

    ResponderEliminar
  29. Vera, pode usar uma tarteira redonda em vez da forma de cake. A tarteira deverá ser das mais pequenas. Comprei a minha num site espanhol e foi muito difícil de encontrar. A maioria das lojas que encontrei cobravam muito de portes e esta espanhola não. Já não me lembro o nome mas fazendo uma busca no google, deve encontrar. Obrigada :) Bjinhos

    ResponderEliminar
  30. Olá Patricia. Já fiz e servi-a a amigos. Posso dizer que recebeu rasgados elogios. Estava deliciosa!
    Beijinhos.
    Ana França

    ResponderEliminar
  31. Andava eu aqui a procura de uma receita onde usar umas amoras que me deram e deparo-me com esta tarte que sendo com framboesas e não amoras vai ser a escolhida! Parabéns, adorei o seu blog, tem receitas maravilhosas!!!

    ResponderEliminar
  32. ficou linda.

    gosto muito do seu blog, parabéns


    http://food-and-happy-endings.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  33. Esta tarte parece-me divinal! Tem uma combinação de cores muito bonita.
    Não é necessário colocar um bocadinho de fermento?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, esta receita não leva fermento, não tem de crescer, fica compacto.
      Obrigada :)
      Bjinhos

      Eliminar
  34. Muito obrigado Patrícia! Vou fazê-la amanhã, beijinhos*

    ResponderEliminar
  35. Patricia, será que posso substituir a amêndoa moída por farinha de amêndoa? Acho que é a mesma coisa, ou não?
    Obrigada desde já, beijos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Juni :)
      Sim é a mesma coisa!
      Obrigada e beijinhoos

      Eliminar

Obrigada pela visita...
Comentários, dúvidas ou sugestões são sempre bem vindos!