Doce de abóbora , alperce seco e baunilha

Este foi o destino de uma abóbora gigante que veio directamente da horta da minha irmã. A abóbora é muito versátil e desta vez apeteceu-me combiná-la com alperce e baunilha. O resultado foi surpreendente e pela positiva… Cada dia que passa fica ainda mais aromático visto que deixei bocados de vagem de baunilha nos frascos. O facto de marinar a fruta no açúcar durante uma noite vai dar mais consistência ao doce.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Doce de abóbora, alperce seco e baunilha

 

  • 700g de abóbora, descascada, em cubos
  • 150g de alperces secos (cortados ao meio)
  • 400g de açúcar amarelo
  • 2 limões
  • 1 vagem de baunilha

 

Colocar a abóbora num recipiente, adicionar o açúcar e o sumo de limão. Envolver e deixar marinar durante uma noite. Demolhar os alperces em água quente umas horas.

TMX-Bimby:

Colocar no copo metade da abóbora com caldo e alperces previamente escorridos e triturar 15seg/vel 6. Repita o processo para o restante. Adicione uma vagem de baunilha aberta e programe 30 min/100º/vel 1, substitua o copo de medida pelo cesto para evitar salpicos. Retire a vagem de baunilha e programe 15 seg indo progressivamente até à vel 6. Deite logo de seguida em frascos previamente escaldados fechando de imediato para criar vácuo.

Tradicional:

Numa panela, colocar a abóbora com o caldo, os alperces previamente escorridos e a vagem de baunilha aberta e levar ao lume, mexendo de vez em quando. Cozinhar cerca de 40 minutos, até a abóbora ficar meio translúcida e mole. Retirar a vagem e triturar com a varinha mágica. Se ficar ainda líquido levar novamente ao lume mais uns minutos. Caso fique espesso acrescentar um pouco de água fervida e cozinhar mais uns minutos. Deite logo de seguida em frascos previamente escaldados fechando de imediato para criar vácuo.

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Brioche com passas e pepitas de chocolate

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Se há coisa que adoro é fazer pão, pãezinhos, brioches enfim colocar as mãos na massa… sem falar no cheirinho que fica pela casa.  Estes dias outonais, frios e chuvosos já pedem uns pequenos almoços ou lanches mais recheados. Deixo-vos aqui uma deliciosa sugestão que com certeza vai aquecer o vosso fim de semana. É fofo, aromático e quentinho desaparece num ápice!

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

Brioche com passas e pepitas de chocolate

Adaptado do blog La Popotte de Manue

Ingredientes:

  • 130ml de leite morno
  • 350g de farinha tipo 55
  • 1 ovo batido + 1 ovo para pincelar
  • 10g de fermento de padeiro
  • 1/2 c. (café) de sal
  • 70g de manteiga
  • 60g de açúcar
  • 1 c. (sopa) de rum (opcional)
  • 1 c. (sopa) de açúcar baunilhado
  • 100g de passas
  • 1 punhado de pepitas de chocolate

 

MFP:

Colocar os ingredientes na máquina pela seguinte ordem:

Ovo batido com o leite, o rum, os açúcares, o sal, depois cobrir com a farinha. Desfazer o fermento  por cima da farinha.

Programa "Massa". Assim que se formar uma bola, juntar a pouco e pouco a manteiga aos bocadinhos. Ao bip da máquina, adicionar as passas e as pepitas. (Caso não haja bip, assim que os ingredientes anteriores já estejam bem misturados e ainda na fase de amassar).

Findo o programa, colocar a massa num recipiente e deixar repousar no frigorífico durante toda a noite. (Saltei este passo).

Formar umas bolas, e colocá-las bem apertadas numa forma de pão forrada com papel manteiga. Colocar num sítio abrigado e deixar dobrar de volume (no mínimo 1h).

Findo esse tempo, pincelar com ovo batido, polvilhar com algumas passas e pepitas e colocar no forno pré-aquecido a 180ºC, durante cerca 30 min. (Testar com o palito).

TMX Bimby:

Coloque no copo o leite, o sal, os açúcares, a manteiga, o rum e programe 1min/37º/Vel2.

Junte o ovo batido, o fermento desfeito e programe 10 Seg/Vel2.

Adicione a farinha e programe 1min/vel. espiga. Se necessário, acrescentar mais um pouco de farinha. Quando se formar uma bola (não pegajenta), juntar as passas e as pepitas aos poucos enquanto amassa mais uns minutos na vel. espiga até ficar bem misturado. Deixar repousar a massa durante toda a noite no frigorífico (ou algumas horas num local abrigado até triplicar de volume).

Formar umas bolas, e colocá-las bem apertadas numa forma de pão forrada com papel manteiga. Colocar num sítio abrigado e deixar dobrar de volume (no mínimo 1h).

Findo esse tempo, pincelar com ovo batido, polvilhar com algumas passas e pepitas e colocar no forno pré-aquecido a 180ºC, durante cerca 30 min. (Testar com o palito).

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Arroz con leche medieval (com mel)

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

Ao descobrir esta receita medieval, não pensei duas vezes!!

Confesso que é das sobremesas a que não consigo resistir, ainda mais sendo uma receita extraída de um manuscrito do século XIII da actual região da Andaluzia em Espanha. Nada melhor do que preparar uma iguaria destas de forma tradicional. O tempo de cozedura faz toda a diferença. Além disso o mel dá-lhe um toque irresistível. Optei por colocar também a vagem de baunilha que o torna ainda mais aromático. Um dos segredos desta receita, é o facto de colocar o arroz de molho durante uma noite, de forma a tornar o grão mais macio. Aconselho o uso de arroz redondo especial para sobremesa (tipo Saludães) ou arbóreo em último caso.

Aproveito para agradecer todos os vossos comentários sempre tão simpáticos :)

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

Arroz con leche medieval  (com mel)

Receita adaptado do blogue Honest Cooking

  • 200g de arroz (redondo, de preferência para sobremesa)
  • 1,4 l de leite gordo
  • 90g de mel*
  • 110g de açúcar (usei amarelo)
  • 1 pau de canela
  • 1 vagem de baunilha (opcional)
  • Canela para polvilhar

 

Na véspera, colocar o arroz numa tigela, cobrir com água fria e deixar de molho durante toda a noite.

No dia seguinte, escorra bem o arroz e coloque numa panela com 1l de leite, o pau de canela e a vagem de baunilha aberta com as grainhas previamente raspadas.

Levar ao lume brando e cozinhar cerca de 45 minutos, mexendo regularmente com uma colher de pau.

Entretanto aqueça o restante leite (400ml) à parte.

Quando o arroz tiver absorvido todo o leite, juntar o mel e o açúcar e mexer muito bem. Cozinhar mais 30 minutos em lume baixo, adicionando o restante leite (quente) aos poucos, de forma a que não fique demasiado líquido no final. Quanto mais mexer, mais cremoso ficará.

Colocar numa taça, cobrir com película aderente, de forma a que esta fique colada ao arroz doce, para evitar a formação de pele. Deixar arrefecer e servir polvilhado com canela.

*caso não não seja apreciador de mel, poderá adoçar com cerca 200g de açúcar. Caso queira adoçar só com mel, 175g serão suficientes.

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Iogurte de coco com frutos vermelhos

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

Mais uma combinação perfeita… As variações são infinitas!

Tanto o iogurte de coco como o de baunilha são uma excelente base para combinar com doces e compotas.

Cada colherada é puro prazer…

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

Iogurte de coco com frutos vermelhos

Iogurte:

  • 1l de leite fresco meio gordo
  • 70g de coco ralado
  • 100g de açúcar (amarelo de preferência)
  • 2 c. (sopa) de leite em pó
  • 1 iogurte natural

Doce de frutos vermelhos:

  • 300g de frutos vermelhos (usei congelados)
  • 3 c. (sopa) de açúcar amarelo

 

Colocar a fruta com o açúcar num tacho e levar ao lume, mexendo de vez em quando, até evaporar toda a água. Deixar arrefecer. Distribuir o doce pelos copinhos.

Num liquidificador, processar o leite com o coco ralado durante um minuto.

Num tacho colocar o leite com o coco e adicionar o leite em pó e o açúcar. Mexer bem com um fouet e de seguida levar ao lume até levantar fervura. Retirar do lume, cobrir e deixar arrefecer.

Quando estiver morno, coar o leite e juntar o iogurte e mexer muito bem com um fouet ou no liquidificador. Encher os copos com cuidado e levar levar à iogurteira cerca de 8 a 9h. Depois desse tempo colocar de imediato no frigorífico no mínimo 6h antes de servir.

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA