Bolo invertido de espelta e ruibarbo / Rhubarb & spelt upside down cake



O ruibarbo não é propriamente uma fruta mas para mim é como se fosse. Tem aspecto de um vegetal mas o sabor é uma mistura de doce e ácido q.b.. Foi paixão à primeira, o sabor é simplesmente maravilhoso. Cheguei a plantar e tive ruibarbo durante cerca de dois anos mas o calor por aqui no verão é tanto que não resistiu. Este veio de uma quinta e pelo que me disseram é biológico. Fica ótimo em crumbles, tartes, cobblers, clafoutis bolos, iogurtes, compotas. Aqui no blog podem encontrar variadas receitas. 
Demorei a decidir-me e acabei por adaptar ligeiramente uma do fabuloso livro Sweeter Off The Vine da Yossi Arefi. A receita original é com farinha de centeio mas usei farinha de espelta. 
Este bolo fica super macio, aromático e húmido, uma delícia para os sentidos.
Como já sei que me vão perguntar, em Lisboa nesta altura (estamos em plena época) talvez encontrem nos mercados (Ribeira, Príncipe Real, Campo Pequeno) e Sup. Brio ou no Continente.









{Scroll down to english recipe}


 BOLO INVERTIDO DE ESPELTA E RUIBARBO
Adaptado do livro Sweeter off the Vine
 
Cobertura
500g de ruibarbo, cortado
150g de açúcar
55g de manteiga
1 c. (chá) de raspas de limão
1 vagem de baunilha (ou extracto)

Bolo
250g de farinha de espelta
1 c. chá de fermento em pó
1/2 c. chá de bicarbonato de sódio
1/2 c. chá de sal
115g de manteiga, à temperatura ambiente
100g de açúcar
2 ovos grandes, à temperatura ambiente
1 c. chá de pasta de baunilha (ou extrato)
335ml de buttermilk* (330ml de leite + 1 c. sopa de sumo de limão)

Para o buttermilk, misturar numa taça 330ml de leite + 1 c. (sopa) de sumo de limão e deixar repousar 10 A 15 min. até acoalhar.


COBERTURA

Numa frigideira juntar o açúcar, a manteiga, as sementes raspadas de uma vagem de baunilha (ou pasta/extrato), as raspas de limão e o sal e levar ao lume.
Quando o açúcar começar a derreter juntar o ruibarbo e cozinhar cerca de 4 minutos só até ficar ligeiramente macio.
Retirar do lume e deixar arrefecer 5 minutos.

BOLO
Preparar o buttermilk, juntando o leite com o sumo de limão e deixar repousar 10 minutos até acoalhar.
Untar uma forma de 22cm com manteiga e forrar a base com papel vegetal.
Dispor o ruibarbo no fundo de forma a criar um padrão (cortar os talos consoante o padrão). Espalhar o molho que sobrou por cima.
Numa taça misturar a farinha com o fermento, o bicarbonato e o sal.
Bater a manteiga com o açúcar cerca de 5 minutos, até a mistura ficar cremosa.
Juntar os ovos, um a um e bater bem entre cada adição.
Raspar as laterais da taça com uma espátula.
Juntar a farinha alternando com o buttermilk e bater só até ficar bem ligado.
Distribuir a massa por cima do ruibarbo e bater com a forma na bancada 2 ou 3 vezes para remover as bolhas de ar.
Levar ao forno a 180ºC cerca de 40 minutos, até o palito sair seco.
Deixar arrefecer 10 a 15 minutos e desenformar invertendo a forma para um prato. Retirar o papel vegetal com delicadeza.
Servir com crème fraîche ou chantilly.


{Recipe in English}



RHURBARB & SPELT UPSIDE DOWN CAKE
Adapted from Sweeter Off The Vine book


RHUBARB TOPPING
450g rhubarb
1 vanilla bean
150g granulated sugar
55g unsalted butter
1 teaspoon lemon zest
Pinch of salt


CAKE
250g spelt flour
1 tablespoon baking powder
1/2 teaspoon baking soda
1/2 teaspoon salt
115g unsalted butter, at room temperature
100g granulated sugar
2 large eggs, at room temperature
1 teaspoon vanilla extract
335ml buttermilk, at room temperature


RHUBARB TOPPING
Combine the sugar, butter, vanilla seeds (or paste), lemon zest, and salt in a skillet and set over medium low heat.
Heat, stirring occasionally, until the sugar and butter begin to melt together then add the rhubarb. Cook the rhubarb, turning it occasionally in the pan, until it is juicy, slightly tender, about 4 to 5 minutes.
Set it aside to cool slightly, about 5 minutes.


CAKE
Position a rack in the center of the oven and preheat to 375F (180ºC).
Butter a 9-inch cake pan and line it with parchment paper.
Layer the rhubarb across the bottom of the pan in a pattern (cutting the edges as necessary), adding any remaining syrup mixture to the pan.
In a medium bowl, whisk the all-purpose and rye flours, baking powder, baking soda, and salt together.
In the bowl of a stand mixer fitted with the paddle attachment, cream the butter and sugar together at medium high speed until light and fluffy, about 5 minutes.
Add the eggs, one at a time, mixing for 30 seconds after each addition.
Add the vanilla. Use a rubber spatula to scrape down the sides and bottom of the bowl.
Alternate adding the flour mixture and the buttermilk in three additions and mix until just combined. Carefully pour the batter over the rhubarb in the pan and smooth the top.
Tap the pan gently on the counter to remove any air bubbles.
Bake the cake until the top is golden and a cake tester inserted into the center comes out clean, 30 to 35 minutes.
Let the cake cool on a rack for 15 minutes, then carefully invert onto a serving platter.
Remove the parchment paper and reposition any rhubarb that has stuck to the paper.
Serve with whipped cream or ice cream.

    Panquecas de espelta e chocolate com morangos // Spelt chocolate pancakes with strawberries


    Passo muito do meu tempo a pensar na próxima receita mas gosto deste tempo de reflexão. Passo horas a imaginar combinações diferentes, sobremesas exóticas ou até aquelas mais simples com alguma inovação. A mergulhar nos meus livros favoritos, a passear pelo Instagram ou pelo Pinterest. Penso na fruta que vou usar, nas compras que tenho de fazer. Depois vem a indecisão por uma ou outra receita escolhida. Finalmente quando chega o fim de semana, fico sempre em pulgas para preparar a receita. Coisas de food blogger... espero não ser a única. 
    Raramente faço panquecas. No passado fim de semana, pensei em fazer de chocolate pela primeira vez. Imaginei-as assim com chocolate a escorrer e morangos para a acompanhar, gosto muito do contraste de sabores. Estas ficam bem macias, não muito doces. Usei farinha de espelta além de ser melhor, deixa tudo mais macio. As que sobraram, guardei-as numa caixinha e ainda renderam para complementar os lanches do meu pequeno.








    {Scroll down to english version}



    PANQUECAS DE CHOCOLATE COM MORANGOS
    Adaptado da Yummy Magazine, nº5

    Panquecas
    100g de farinha (usei de espelta)
    1/2 c. (chá) de fermento em pó
    1 pitada de sal
    20 g de açúcar em pó
    20 g de manteiga
    50 g de chocolate negro
    100 ml de leite
    100ml de natas
    1 ovo
    1 c. (chá) de extrato de baunilha

    Molho de chocolate
    100g de chocolate
    120ml de natas
    1 c. sopa de manteiga
    1 pitada de sal

    Morangos p/ servir



    PANQUECAS
    Derreter o chocolate com a manteiga em banho-maria. Deixar arrefecer.
    Num recipiente misturar a farinha com o fermento e o sal.
    Bater o ovo com o açúcar e a baunilha.
    Incorporar a farinha alternando com o leite e as natas e mexer bem até ficar liso.
    Por fim juntar o chocolate derretido com a manteiga e mexer bem.
    Preparar uma frigideira, ligeiramente untada com azeite.
    Colocar 1/2 colher de concha de massa no centro da frigideira e cozinhar até aparecerem furinhos na massa. Virar com a ajuda de uma espátula e deixar alourar.
    Repetir a operação até terminar a massa.
    Servir com molho de chocolate e morangos.

    MOLHO
    Levar as natas ao lume até começarem a ferver.
    Juntar o chocolate partido, retirar do lume e esperar uns instantes antes de mexer.
    Por fim juntar a manteiga e o sal e mexer bem.



    {Recipe in English}



    CHOCOLATE PANCAKES WITH STRAWBERRIES
    Adapated from Yummy Magazine, n.5

    Pancakes
    100g all purpose flour (I used spelt flour)
    1/2 tsp baking powder
    Pinch off salt
    20g powder sugar
    20g butter
    50g dark chocolate
    100ml milk
    100ml cream
    1 egg
    1 tsp pure vanilla extract

    Chocolate sauce
    100g dark chocolate
    120ml cream
    1 tbsp butter
    Pinch of salt
    Strawberries, to serve


    PANCAKES
    Melt the chocolate with the butter and set aside.
    Whisk together, flour, baking powder and salt in a bowl.
    In a separate bowl, whisk together egg, vanilla and sugar.
    Add flour mixture alternately with milk and cream and mix well.
    Finally fold in chocolate melted.
    Spray a nonstick skillet with cooking oil and heat over medium.
    Drop 1/3 cup of the batter onto the heated pan and cook until set on one side and the flip to cook on ther other side..
    Respray the pan and reduce heat to cook the remaining pancakes.
    Serve the pancake with chocolate sauce, strawberries and chantilly.

    CHOCOLATE SAUCE
    Bring cream just to a boil over medium-high heat. Pour over chocolate, add butter and salt.
    Let stand for 10 minutes (don't stir -- doing so will cool the ganache too quickly, making it grainy).
    Stir with a whisk until smooth and shiny.


     

    Bolo Bundt de Cardamomo e Rosa // Cardamom & Rose Bundt Cake


    Tenho uma paixão por esta forma e cada vez que penso em fazer um bolo é a primeira da fila. 
    Da primeira vez foi em tons de verde e agora em tons de rosa e com os melhores aromas de sempre. Durante muito tempo hesitei em provar o cardamomo. Cada vez que cheirava o frasco achava que tinha um cheiro muito intenso e não me atrevia a usá-lo, tinha receio que ficasse muito concentrado. Um dia lá me decidi e usei-o para aromatizar um bolo de cereja e fiquei completamente rendida. Desde aí tenho-o usado em variadas receitas e até preparei um açúcar aromatizado que guardo num frasco composto por açúcar amarelo, cardamomo, um pouco de canela e uma vagem de baunilha, tudo triturado.
    Para quem não sabe o cardamomo casa muito bem com rosa. Juntei-lhe açafrão somente para dar cor (não se sente o sabor), e baunilha que nunca pode faltar. O resultado foi surpreendente, todos adoraram e posso dizer que é um dos melhores bolos que já fiz. 
    Para o pó rosa, usei uns biscoitos franceses (Biscuits Rose des Reims) que reduzi a pó, mas podem misturar açúcar branco com um pouco de corante num saco de plástico, amassar bem de forma a uniformizar a cor e depois pulverizar num processador de alimentos.








    {Scroll down to english recipe}



    BOLO BUNDT DE CARDAMOMO E ROSA

    225g de manteiga, à temperatura ambiente400g de açúcar amarelo
    4 ovos grandes
    375g de farinha
    2 c. (chá) de fermento em pó
    250ml de buttermilk* (250ml de leite + 1 c. s. sumo limão)
    1 a 2 c. (chá) de Açafrão* das Índias em pó Margão
    6 a 8 vagens de cardamomo Margão
    1 c. de chá de pasta de baunilha (ou extracto)
    2 c. (sopa) de água de rosa alimentar
    1 pitada de sal
    Açúcar em pó p/ polvilhar

    *Para o buttermilk, misturar numa taça 250ml de leite + 1 c. (sopa) de sumo de limão e deixar repousar 10 min. até acoalhar.
    *O sabor do açafrão não se nota, usei somente para dar cor

    Podem adquirir esta forma Nordic Ware na loja online Tarte de Limão

    Preparar o buttermilk conforme descrito mais acima.
    Pré-aquecer o forno a 180ºC.
    Pulverizar uma forma bundt grande (25cm) com spray desmoldante (ou untar com manteiga e polvilhar com farinha).
    Partir as vagens de cardamomo e reservar os grãozinhos.
    Num processador de alimentos, triturar o açúcar com os grãos de cardamomo (ou usar um almofariz para triturar os grãos de cardamomo e juntar ao açúcar).
    Numa taça, misturar com uma vara de arames a farinha peneirada com o fermento em pó.
    Bater a manteiga com o açúcar e o sal cerca de 5 minutos até ficar cremosa.
    Adicionar um ovo de cada vez e bater bem entre cada adição.
    Adicionar a baunilha e a água de rosa e bater.
    Dissolver o açafrão no buttermilk.
    Juntar a farinha (em 3 vezes), alternando com o buttermilk, batendo na velocidade mais baixa até ficar homogéneo.
    Deitar a massa na forma e bater com a forma na bancada de maneira a que a massa fique bem distribuída.
    Levar ao forno a 170ºC, cerca de 45 a 50 minutos ou até o palito sair seco.
    Esperar 10 minutos antes de desenformar e deixar arrefecer completamente numa grelha.
    Polvilhar com açúcar em pó.



    {Recipe in English}



    CARDAMOM & ROSE BUNDT CAKE

    225g butter, softened400g brown sugar
    4 large eggs
    375g all purpose flour
    2 tsp baking powder
    250ml buttermilk* (250ml milk + 1 tbsp lemon juice)
    1 a 2  tsp saffron powder
    8 green cardamom pods (only seeds)
    1 tsp vanilla paste
    2 tbsp rosewater
    1 pinch of salt
    Icing sugar to decorate

    Preheat the oven to 325ºF (165ºC).Generously grease and flour a large bundt tin.
    Sift the flour and combine it with baking powder.
    Blend the sugar with the cardamom seeds.
    In a medium bowl cream together the butter, the salt and the cardamom sugar until light and fluffy.
    Add eggs, one at a time, beating well after each addition.
    Add vanilla paste and rosewater and beat.
    Scrape the sides of the bowl while mixing the ingredients.
    Dissolve the saffron in the buttermilk.
    On low speed, add alternately buttermilk and flour, and mix until just combined.
    Pour the batter into the prepared pan and tap lightly on the counter to remove any large air bubbles.
    Bake for about 45 minutes (depending on the pan) or until toothpick comes out clean.
    Cool for 10 minutes in the pan , then unmold the cake onto a rack to cool completely.


    Aveia no forno com banana, mirtilos e noz pecã // Banana, blueberry pecan baked oatmeal



    Gosto imenso de aveia quer seja em pão, bolos, crumbles, granola  e sobretudo em papas. Quando vi esta receita no Pinterest, fiquei com água na boca e tive logo de experimentar. Chama-se aveia no forno mas pode perfeitamente ser servido como sendo um bolo.
    É uma receita rápida, super saudável, sem glúten, sem lactose, sem açúcar refinado, para comer sem culpas, perfeita para o pequeno almoço,  lanche ou até sobremesa.  Pode ser saboreado morno ou frio e conserva-se no frigorífico por uma semana. De manhã é só tirar uma fatia e se preferirem morno podem aquecer uns segundos no microondas.
    Banana, aveia, canela, baunilha, nozes pecãs e mirtilos formam uma combinação de sabores maravilhosa e o facto é que todos adoraram até o meu mais que tudo. Eu fiquei quase viciada e vou repeti-la muitas vezes, alterando os ingredientes. Já estou a imaginar com maçã, deve ser qualquer coisa...
     



    {Scroll down to english recipe}


    AVEIA NO FORNO COM BANANA, MIRTILOS E NOZ PECÃ
    Adaptada daqui

    230g flocos de aveia (inteiros)
    70g de noz pecã , grosseiramente triturada
    1 c. (chá) de fermento em pó
    1 c. (chá) de canela
    1/4 c. (chá) de sal
    300g de banana, esmagadas (cerca de 3 médias)
    1 c. (chá) de sumo de limão
    400ml de leite de aveia (ou outro)
    60ml de xarope de acer/maple syrup (ou àgave ou açúcar mascavado)
    2 ovos
    1 c. (chá) de pasta ou extrato de baunilha
    40g de óleo de coco derretido (ou manteiga)
    75g mirtilos

    Pré-aquecer o forno a 180ºC.
    Untar uma forma de 20x20cm com manteiga.
    Numa taça misturar a aveia com as nozes, o fermento em pó, a canela e o sal.
    No processador de alimentos, processar as bananas com o sumo de limão. Depois juntar o leite, o xarope de acer, os ovos, a baunilha e processar até ficar homogéneo. Por fim juntar o óleo de coco (ou manteiga) derretido.
    Juntar os ingredientes líquidos com os secos e misturar bem.
    Colocar a mistura na forma e espalhar os mirtilos.
    Decorar com uma banana aberta ao meio polvilhando com um pouco de açúcar por cima da banana.
    Levar ao forno cerca de 30 minutos ou até ficar dourado e firme.



    {Recipe in English}


    BANANA BLUEBERRY PECAN BAKED OATMEAL
    Adpated from Cooking Classy

    230g rolled old-fashioned oats
    70g chopped pecans
    1 tsp baking powder
    1 tsp ground cinnamon
    1/4 tsp salt
    300g mashed well ripened bananas (about 3 medium)
    1 tsp lemon juice
    400ml oat milk
    60ml maple syrup, plus more for serving if desired
    2 large eggs
    1 tsp vanilla extract
    3 Tbsp (40g) coconut oil, melted (or butter)
    75g blueberries


    Preheat oven to 350 degrees.
    Spray an 8x8-inch baking dish with non-stick cooking spray, set aside.
    In a medium mixing bowl whisk together oats, pecans, baking powder, cinnamon and salt.
    In a separate mixing bowl stir together mashed bananas with lemon juice then add in milk, maple syrup, eggs, and vanilla extract and whisk until very well blended. Stir in coconut oil.
    Pour milk mixture into oat mixture and stir to combined.
    Pour mixture into prepared baking dish and top with blueberries.
    Bake in preheated oven until set, about 30 minutes.
    Serve with more maple syrup if desired.
     

    Tartes merengadas de sésamo preto e morango // Black sesame & strawberry meringue tarts



    Está aberta a época das tartes e dos morangos aqui no blog! 
    Quando penso em tartes, surgem na minha mente imensas combinações de cores e sabores. Desta vez pensei primeiro nas cores, no rosa que tanto adoro a contrastar com o cinza. Desde que experimentei o sésamo preto tenho-o utilizado em várias receitas. Além de ser uma grande fonte de minerais, proteína e vitaminas, dá cor e um sabor parecido a amêndoa/noz às massas. Fica maravilhoso em bolachas, crumbles, bases de tartes, assim como em saladas ou outros pratos. Para rechear optei por um curd de morango. É muito prático, uma vez que se podem preparar as bases e o curd na véspera e no dia seguinte, antes de servir, é só fazer o merengue e rechear as tartes, desta forma mantêm o crocante. Também se podem "impermeabilizar" as bases de tarte com chocolate branco derretido. Se optarem por rechear várias horas antes de servir, recomendo esta técnica.
    São umas tartes que prometem provocar suspiros aí em casa.









    {Scroll down to english recipe}


    TARTES MERENGADAS DE SÉSAMO PRETO E MORANGO
     
    Para 6 tarteletes de Ø12 ou 1 tarte de Ø25

    MASSA AREADA
    200g de farinha
    30g de sésamo preto
    100g de açúcar em pó
    1 pitada de sal
    1 ovo
    90g de manteiga c/ sal, bem fria
    1/2 c. (sob.) de pasta de baunilha (ou extracto)
    Água fria q.b.

    Num recipiente, misturar a farinha, o açúcar e o sal.
    Juntar a manteiga aos bocados, o ovo e a baunilha.
    Trabalhar a massa com as mãos (ou colocar tudo no robot e misturar) juntando pouco a pouco água gelada, o suficiente até conseguir moldar uma bola.
    Envolver em película aderente e reservar no frigorífico durante 30 minutos.
    Estender a massa com um rolo, forrar as tarteiras e picar o fundo e laterais com um garfo e reservar no frigorífico enquanto o forno aquece.
    Cubrir as tartes com folha de alumínio ou papel vegetal e deitar alguns feijões secos por cima, para que a massa se mantenha em baixo.
    Levar as tartes ao forno cerca de 15 minutos. Retirar o alumínio e os feijões e deixar mais 5 a 10 minutos no forno até ficarem douradas nas extremidades.
    Deixar arrefecer num grelha.
    Desenformar e reservar embrulhado em folha de alumínio até à hora de rechear.


    CURD DE MORANGO
    200ml de coulis de morango
    3 ovos
    100g de açúcar (consoante a acidez)
    60g de manteiga
    50ml de natas
    40g de Maizena
    1 c. (sopa) de sumo de limão
    1 c. (chá) de pasta ou extracto de baunilha

    Triturar os morangos e filtrar (opcional).
    Numa taça em pirex, bater os ovos com o açúcar, juntar o coulis de morango, a maizena e misturar bem.
    Levar ao lume em banho-maria, mexendo sempre com um fouet até engrossar.
    Retirar do lume e juntar a manteiga mexendo vigorosamente.
    Transferir para um recipiente e colar película aderente por cima, deixar arrefecer e depois conservar no frigorífico.
    (No robot de cozinha, basta juntar todos os ingredientes e programar 10min./temp.90º/vel.4).
    Quando estiver o creme estiver frio, rechear as tartes e alisar. De seguida preparar o merengue.

    MERENGUE
    2 claras de ovo
    100g de açúcar

    Colocar as claras e o açúcar num recipiente próprio para banho-maria (a taça não deverá tocar na água).
    Mexer constantemente com um fouet até atingir os 65º, ou até já não sentir o açúcar (esfregar um pouco da mistura com os dedos para verificar).
    Transferir para a batedeira e continuar a bater cerca de 10 minutos, até arrefecer completamente.
    Com um saco pasteleiro, decorar o topo das tartes. Dourar o merengue com um queimador.


    {Recipe in English}


    BLACK SESAME & STRAWBERRY MERINGUE TARTS

    SESAME CRUST
    200g all purpose flour
    30g black sesame
    100g icing sugar
    1/4 tsp salt
    1 egg
    90g cold butter, in cubes
    1/2 tsp vanilla paste
    Ice water

    Preheat oven to 200ºC (400ºF).
    Mix the ground sesame seeds and flour together.
    Add the sugar and salt and mix.
    Add the butter and mix until you get fine crumbs.
    Add the egg, vanilla paste, water (5 tbsp and add additional if the dough feels dry) and mix until the dough just come together.
    Wrap the dough in plastic wrap and put in the fridge for at least 30 minutes.
    When slightly chilled, roll the dough out until about 1/6-inch thick. Use a knife to cut out circle of dough that are about a half inch wider than the bottom of your mini tart pans.
    Press the dough circles into mini tart pans and cut any excess from the top. Use a fork to poke holes in the bottoms of the dough, and placed uncooked tarts into the freezer for 30 minutes.
    While in the freezer, preheat the oven to 375F. When chilled remove the tarts from the freezer. Press a sheet of foil onto the shells, shiny side down, and fill the foil with dry beans, rice, or pie weights. This will keep the dough from puffing up while baking.
    Bake the shells for 15-20 minutes, or until set and slightly golden. Remove the foil and weights and bake for another 5-10 minutes or until golden brown.
    Transfer baked shells to a rack and let cool completely before filling.



    STRAWBERRY CURD
    200ml strawberry coulis
    3 eggs
    100g sugar
    60g butter
    50ml cream
    40g cornstarch
    2 tbsp lemon juice
    1 tsp vanilla paste/extract

    In a medium saucepan set over medium heat, combine the sugar with the cornstarch and add in the strawberry coulis, lemon juice and vanilla extract.
    Cook, stirring, until thickened and bubbly.
    Gradually whisk in half of the hot mixture into the eggs, to temper.
    Return the egg mixture to the saucepan and cook, stirring constantly, until the mixture thickens, about 2-3 minutes.
    Remove from heat, add in the butter pieces and whisk until melted.
    Pour the mixture into a small bowl and cover with plastic wrap pressed against the top.
    Chill for at least 4 hours, preferably overnight until set.
    Divide teh curd evenly between the cooked tart shells.


    MERINGUE
    2 large egg whites
    100g sugar

    Mix egg whites and sugar in a heat-proof bowl over a saucepan of simmering water.
    Whisk with a hand whisk continously until the mixture reaches 65°C (149F). Remove from heat. Start whipping the egg whites with a stand or hand mixer until the mixture becomes fluffy and white and the bowl is cool, this can take about 10 minutes.
    Top the chilled tarts with the cooked meringue using a piping bag and a star tip.
    If desired, toast the meringue with a kitchen torch.