Cobbler de Espelta, Banana e Frutos Vermelhos // Banana Berry and Spelt Cobbler



Hoje trago uma receita de um livro que comprei recentemente Sweeter off the Vine da Yossi Arefi, autora do Apt.2B - Baking Co, um blog delicioso e inspirador. É um livro de receitas apaixonante só com frutas da época, cada uma melhor que a anterior, com fotos lindas de dar água na boca. Seleccionei logo duas receitas para fazer sendo uma delas este maravilhoso cobbler com algumas adaptações. Foi a primeira vez que fiz um cobbler e fiquei completamente rendida. É um pouco diferente do crumble e da tarte. A parte de cima é uma espécie de bolo biscoito de espelta, natas e leite de amêndoa e que combina na perfeição com a fruta. O sabor adocicado da banana contrasta com a acidez dos frutos vermelhos e ruibarbo e conjugam maravilhosamente. O gelado de nata é quase obrigatório para servir com o cobbler ainda morno. Foi preciso um grande esforço para não comê-lo todo de uma vez.




{Scrool down to english recipe}


COBBLER DE ESPELTA, BANANA E FRUTOS VERMELHOS
Adaptada do livro Sweeter off the Vine

FRUTA
700g de frutos vermelhos (usei framboesa, amora, ruibarbo, mirtilo, groselha e cereja)
1 banana, às rodelas
70g de açúcar amarelo
2 c. de sopa de amido de milho (Maizena)
Sumo de 1/2 limão
Raspas de 1 limão
1/2 c. de chá de essência de baunilha

MASSA
130g de farinha espelta
65g de farinha
1 c. de chá de fermento em pó
1/2 c. de chá de bicarbonato de sódio
50g de açúcar amarelo
1/4 de c. de chá de sal fino
60g de manteiga, derretida
120ml de leite de amêndoa
120ml de natas
1/2 c. de chá de pasta de baunilha (ou essência)

Gelado de natas p/ servir.


Untar um prato de forno (22 ou 25cm) com manteiga.

FRUTA
Misturar as frutas com o sumo + raspas de limão e a essência de baunilha e de seguida envolver a mistura de açúcar e Maizena. Dispor a fruta no prato de forno. Reservar.

MASSA
Num recipiente, misturar as farinhas, o açúcar e o sal, o fermento e o bicarbonato. Noutra taça misturar as natas com o leite de amêndoa, baunilha e a manteiga derretida e envolver a farinha com uma espátula, até ficar bem integrada. Com uma colher de gelado ou 2 colheres de sopa, formar 8 bolas de massa e dispor por cima das frutas deixando um espaço entre elas.

Levar ao forno pré-aquecido a 180ºC , em cima de um tabuleiro forrado com papel vegetal para evitar salpicos, cerca de 35 a 40min, até o biscoito estar cozido e a fruta borbulhar nas extremidades e no centro. Caso necessário, a meio do tempo, cobrir a massa com papel de alumínio de forma a não tostar demasiado. Servir morno com gelado de nata.

{English recipe}

BANANA BERRY AND SPELT COBBLER
Adapted from Sweeter Off TheVine

BERRIES
700g  berries (I used raspberry, blackberry, blueberry, cherry, rhubarb and redcurrant)
1 banana, sliced
70g brown sugar
2 tsp de cornstarch
juice from 1/2 lemon
1 tsp lemon zest
1/2 tsp vanilla paste

SPELT BISCUITS
130gspelt flour
65g all purpose flour
1 tsp baking powder
1/2 tsp baking soda
50g brwn sugar
1/4 tsp salt
60g butter, melted
120ml almond milk
120ml heavy cream
1/2 tsp vanilla paste

Vanilla ice cream,to serve

Butter a 10-inch cast-iron skillet. Position a rack in the center of the oven and preheat to 375ºF (180ºC).

FILLING
Combine berries, rhubarb, banana, vanilla, lemon juice and zest with sugar and cornstarch in a large bowl. Stir gently to combine evenly. Pour the berry mixture in to the skillet.

BISCUITS:
In a bowl, whisk together the flours, sugar, baking powder, baking soda, and salt. In a measuring cup, combine the almond milk, cream and vanilla. Add the melted butter and stir gently.
Make a well in the center of the dry ingredients and pour in the milk mixture. Use a rubber spatula to stir the ingredients together until just combined. The biscuit dough will be soft and sticky.

Use two spoons or an ice cream scoop to dollop the biscuit dough on top of berries in 8 even pieces. The dough will rise and expand in the oven, so leave a bit of room in between the pieces. Move the pan to a large baking sheet to catch any drips and slide the pan into the oven. Bake for 30 or 40 minutes, or until the biscuits are golden and cooked through and the fruit is bubbling. Serve warm with vanilla ice cream.

Pie de morango e ruibarbo


Com a primavera chegam as frutas que mais gosto e aperta a vontade de fazer tartes, crumbles e bolos. Estava desejosa de reproduzir a tarte que fiz no verão passado mas desta vez com morangos e uma decoração diferente. Esta tarte não é difícil, requer algum tempo e paciência mas como adoro meter as mãos na massa e perder-me na cozinha, foi um prazer fazê-la e claro saboreá-la. As frutas podem ser o que quiserem, o que muda é a forma e a decoração. Costumo sempre combiná-las com amêndoa que para mim faz toda a diferença. Aviso já que é mesmo divinal e que desaparece num instante. Portanto toca a aproveitar as frutas que vão chegando à vossa cozinha.










{Scroll down to English version}


PIE DE MORANGO E RUIBARBO

MASSA
380g de farinha
2 c. sopa de açúcar em pó
1 pitada de sal
1 ovo
150g de manteiga, bem fria
1/2 c. chá de pasta de baunilha (ou extracto)
1 c. chá de sumo de limão
50 a 100ml de água gelada
1 ovo + 1 . sopa de leite p/ pincelar


RECHEIO 
300g de morangos, cortados
200g de ruibarbo, cortado em cubos
3 c. sopa de Maizena
75g de amêndoa moída
150g de açúcar
Sumo de meio limão
1/2 c. chá de pasta de baunilha (ou extracto)

MASSA
Num recipiente, misturar a farinha, o açúcar e o sal. Juntar a manteiga aos bocados, o ovo, o sumo de limão e a baunilha.Trabalhar a massa juntando pouco a pouco água gelada (o suficiente até conseguir moldar uma bola). Envolver em película aderente e reservar no frigorífico durante 30 minutos.

RECHEIO
Numa taça, misturar o açúcar, a Maizena, metade da amêndoa moída e reservar. Misturar as frutas com o sumo de limão e a essência de baunilha e envolver a mistura de açúcar e Maizena. Espalhar a outra metade de amêndoa moída na base da tarte. Por cima espalhar bem a fruta + a mistura de açúcar e alisar.


Estender aproximadamente 1/3 da massa e forrar uma tarteira de 20cm. Reservar no frigorífico.
Estender metade da massa restante e cortar cerca de 12 a 14 tiras com aprox. 2 cm de largura.
Estender a massa que resta e cortar umas folhas com a ponta de uma faca. (Usei um molde de cartão para ficarem todas iguais). Se sobrar massa, moldar umas rosas.
Entrelaçar as tiras de massa (tutorial aqui), colando as pontas com o dedo molhado em água e pressionando as extremidades. Por fim distribuir as folhas e flores à volta, molhando com água para colar e pressionar ligeiramente. Pincelar a tarte com ovo batido com leite.
Levar ao forno, a 180ºC durante cerca de 60 minutos, até ficar dourada e a fruta borbulhar. Assim que a tarte começar a ficar dourada cobrir a tarte com folha de alumínio para não tostar demasiado. Deixar arrefecer à temperatura ambiente e servir morno com chantilly ou gelado de natas.


{Recipe in English}

STRAWBERRY RHUBARB PIE

PIE CRUST
380g all purpose flour
2 tbsp icing sugar
1/4 tsp salt
1 egg
150g cold butter, in cubes
1/2 tsp vanilla paste
1 tsp lemon juice
50 a 100ml ice water

EGG WASH
1 egg + 1 tbsp milk

FILLING
300g strawberry
200g rhubarb
2 tbsp cornstarch
75g ground almond
150g sugar
2 tbsp lemon juice
1/2 tsp vanilla paste

PIE CRUST
Preheat oven to 200ºC (400ºF).
Mix flour, sugar and salt in a bowl.
Add the butter and mix until you get fine crumbs.
Add the water (5 tbsp and add additional if the dough feels dry), juice and egg and mix until the dough just come together.
Wrap the dough in plastic wrap and put in the fridge for at least 30 minutes.

EGG WASH
Lightly beat egg with milk in a small bowl.

FILLING
Mix cornstarch, almond, sugar and vanilla in a bowl. Put berries in a large bowl, and add the flour mixture. Carefully turn berries with a large spoon so they are covered with the flour mixture.

ASSEMBLY
Roll out about 1/3 of the dough on a lightly floured surface and line the bottom of a 22 cm pie pan with it. Put the lined pan in the fridge.Roll out rest of the dough and cut out long stripes for a lattice pattern.Cut out as many leaves as you can with a paring knife. Vein the leaves with the dull side of the knife. Pour berry mixture into the prepared lined pan and top with pie stripes. Glue pie stripes onto the pie crust using some egg wash and then the leaves around the edges. Brush top and edges of the pie with egg wash.

Bake for 10 minutes at 200°C, then lower temperature to 175°C (350°F) and bake for an additional 50-60 minutes (start checking after 30-40 minutes so the crust don't brown too much) until filling is bubbly. If at any time during baking the crust start to get too dark, cover it with aluminum foil and continue baking until the pie is done. Leave to cool completely in room temperature before serving with lightly whipped cream or vanilla ice cream.

Panquecas de Espelta, Limão e Sementes de Papoila // Spelt Lemon Poppy Seed pancakes


   Se me perguntarem qual a minha refeição favorita eu responderei o pequeno-almoço. Por norma aqui em casa tem de haver sempre pão fresco, de preferência de espelta com sementes, leite vegetal ou sumo de fruta natural, manteiga  e doces de qualquer fruto vermelho. Ao fim de semana faço questão que seja diferente, por vezes há brioche, ou croissants, ou panquecas, ou papas de aveia, ou arroz doce,.... a lista não teria fim. É a minha refeição favorita e pronto. Já vem da minha infância em França, na altura com a boulangerie mesmo ao pé de casa, havia sempre pain au chocolat, chaussons aux pommes, baguette, croissants...e isso fica para sempre.
Por isso hoje trago estas deliciosas panquecas para experimentarem no fim de semana, feitas com farinha de espelta e leite de amêndoa que as torna ainda mais macias e fofas. O aroma é de limão e as sementes de papoila conferem-lhe uma textura única, adoro a combinação. Acompanhadas com Golden Syrup, chantilly de mascarpone e framboesas.
Um pedaço de céu ♥





{Scroll down to english version}


PANQUECAS DE ESPELTA, LIMÃO E SEMENTES DE PAPOILA

250g de farinha espelta
250ml de leite de amêndoa
2 ovos
3 c. (sopa) de óleo de coco, derretido
Sumo e raspas de 1 limão
2 a 3 c. (sopa) de açúcar amarelo
1 c. (sopa) de sementes de papoila
1 pitada de sal
1 c. (chá) de fermento em pó
1/2 c. (chá) de bicarbonato de sódio

Golden Syrup p/ servir
Chantilly de mascarpone  p/ servir
Framboesas q.b.


Num recipiente misturar a farinha, o açúcar, o fermento, o bicarbonato e o sal.
Noutra taça misturar os ovos ligeiramente batidos, o óleo de coco, o sumo e raspas de limão e bater até ficar homogéneo. Juntar os ingredientes secos e bater até obter um creme liso.
Preparar uma frigideira, ligeiramente untada com óleo ou azeite.
Colocar 1/2 colher de concha de massa no centro da frigideira e cozinhar até aparecerem furinhos na massa. Virar com a ajuda de uma espátula e deixar alourar. Repetir a operação té terminar a massa.
Servir com golden syrup, chantilly de mascarpone e framboesas.



{Recipe in English}


SPELT LEMON POPPY SEED PANCAKES

250g spelt flour
250ml almond milk
2 eggs
3 tbsp coconut oil, melted
1 lemon, juice and zest
2 or 3 tbsp brown sugar
1 tbsp poppy seed
Pinch of salt
1 tsp baking powder
1/2 tsp baking soda

Golden Syrup, to serve
Mascarpone chantiily, to serve
Raspberries, to serve


Whisk together, flour, sugar, baking powder, baking soda and salt in a large bowl.
In a separate bowl, whisk together eggs, coocnut oil, lemon juice and zest.
Fold the wet batter into the dry mix until smooth and then stir in the poppy seeds.
Spray a nonstick skillet with cooking oil and heat over medium.
Drop 1/3 cup of the batter onto the heated pan and cook until set on one side and the flip to cook on ther other side..
Respray the pan and reduce heat to cook the remaining pancakes.
Serve the pancake with chantilly, golden syrup and raspberries.

Bolo de natas e mirtilo com buttercream de lavanda // Blueberry and cream layer cake with lavender buttercream


Fiz este bolo para a Páscoa a para celebrar a primavera.
Desta vez imaginei-o rústico com tons de roxo para combinar com dois sabores que se conjugam na perfeição - mirtilos e lavanda, decorado com uma hortência.
O bolo de camada é das coisas que mais me dá prazer fazer e sobretudo fotografar. Imaginar os sabores, as cores, a cobertura, a decoração... Passo sempre horas a imaginar o cenário e a inspirar-me nos livros que mais gosto assim como no Pinterest..
O bolo é de natas que só por si já é delicioso recheado com compota de mirtilos selvagens e buttercream de lavanda que lhe dá um toque diferente e maravilhoso.Caso não apreciem o aroma floral podem sempre optar pela baunilha.



{Scroll down to english version}


BOLO DE NATAS E MIRTILOS COM BUTTERCREAM DE LAVANDA

BOLO
6 ovos
250g de açúcar
360g de farinha
200ml de natas
150g de óleo
1 colher (café) de extrato de baunilha
1 colher (chá) de fermento p/ bolos
1 pitada de sal

150g de doce de mirtilo selvagem p/ rechear

BUTTERCREAM
5 claras de ovos
250g de açúcar branco
300g de manteiga, à temperatura ambiente
Corante em gel violeta da Vahiné
1 a 2 gotas de óleo essencial de lavanda



BOLO
Untar 4 formas de Ø14cm e forrá-las com papel vegetal (usei 2 formas altas de 14cm).
(Em alternativa poderá usar 3 formas de Ø16 ou 2 formas de Ø18).
Numa taça peneirar a farinha com o fermento e o sal.
Bater os ovos com o açúcar e a baunilha durante 12 minutos, até obter um creme esbranquiçado e volumoso.
Juntar o óleo e bater até ficar integrado.
Por fim juntar as natas alternadamente com a farinha e envolver delicadamente, até ficar homogéneo.
Dividir a massa pelas formas e levar ao forno pré-aquecido a 180ºC durante 25 a 30min. ou até o palito sair seco.
Desenformar e deixar arrefecer completamente numa grelha.

BUTTERCREAM DE MERENGUE SUIÇO DE LAVANDA
Colocar as claras e o açúcar numa taça tipo Pirex e levar a banho-maria (a taça não pode tocar na água), mexendo sempre com uma vara de arames, até a mistura ficar quente e o açúcar dissolvido ( até atingir 65ºC caso use termómetro).
Remover a taça do lume e bater com a batedeira elétrica cerca de 10 minutos até arrefecer completamente. Incorporar pouco a pouco a manteiga, batendo bem entre cada adição.
Continuar a bater por mais 5 minutos, até obter um creme sedoso e firme.
Se ficar demasiado líquido, colocar a mistura uns minutos no frigorífico e voltar a bater.
Caso o creme tenha um aspecto talhado (isso deve-se à diferença de temperatura entre o merengue e a manteiga), colocar uns segundos em banho-maria e continuar a bater até ficar liso ou então esperar um pouco e voltar a bater.
Por fim juntar o óleo essencial e bater mais um pouco.

MONTAGEM
Cortar os topos de cada bolo caso necessário.
Cortar cada bolo em 2 partes.
Colocar uma metade do bolo no prato de serviço.
Barrar com buttercream e com um saco pasteleiro, fazer uma auréola de buttercream à volta de toda a extremidade.
No centro espalhar uma camada generosa de doce de mirtilo e alisar.
Colocar outra camada de bolo, endireitar e repetir a operação até à última camada.
Espalhar creme nas laterais e no topo de cada bolo e alisar com uma espátula.
Levar os bolos ao frigorífico cerca de 15min para solidificar.
Dividir o creme restante em 3 taças, e em duas delas colocar corante de forma a obter 2 tons de violeta.
Com uma espátula pequena espalhar creme violeta mais escuro na base, mais claro no centro e branco em cima e no topo.
Levar o bolo ao frigorífico para solidificar.
Deixar à temperatura ambiente cerca de 3h antes de servir.


{Recipe in english}

BLUEBERRY AND CREAM LAYER CAKE WITH LAVENDER BUTTERCREAM

 
CAKE
6 eggs
250g de sugar
360g de flour
200ml de cream
150g de vegetal oil
1/2 teaspoon vanilla extract
1 tsp baking powder
Pinch of salt

150g wild blueberry jam

LAVENDER SWISS MERINGUE BUTTERCREAM
5 egg whites
250g sugar
300g butter, softened
Food coloring,violet
1 or 2 drops lavender essential oil


CAKE
Butter four 14cm round cake pans (or 2 14cm deep cake pans) and line the bottoms with parchment paper cut to fit.
Preheat oven to 175ºC.
Mix flour, baking powder and salt in a bowl.
In the bowl of a stand mixer beat together the eggs, sugar and vanilla until pale and fluffy, about 12 minutes.
Incorporate the cream and oil.
With the mixer on low, add the flour until just combined and the batter is smooth.
Pour batter into prepared cake pans.
Bake for 20-25 minutes or until a cake tester comes out clean.
Cool cakes on a wire rack for about 10 minutes and remove cakes from pans.
Continue to cool on wire rack until cakes are at room temperature.
Wrap each layer in a layer of plastic wrap; chill in refrigerator for at least 2 hours or up to 2 days before cutting and frosting.

LAVENDER SWISS MERINGUE BUTTERCREAM
Put egg whites and sugar in a clean and heat proof bowl.
Put the bowl in a double boiler, the water should be simmering.
Whisk sugar and eggs to avoid curdling. The mixture should be about 65º C (or 150ºF). If you don't have a thermometer, just rub some mixture between your fingers, to see if the sugar has melted.
Remove from heat. Whip until white, fluffy and cool (about 10 minutes).
Start adding the butter, very slowly and whip slowly about 5-8 minutes. Don't worry if the mixture looks curdled and soupy. If the buttercream is to cold, just put the bowl in a double boiler again for a few seconds and whip again. If it's too hot, just put it in the fridge for a few minutes and whip.
Add lavender extract to buttercream and whip until smooth.

ASSEMBLY
When cake layers are completely cool, level the cakes and then cut each in half so that you have four layers.
Fix the first layer to a cake board with a small amount of buttercream.
Spread the first cake with a thin layer of buttercream.
Fill a piping bag with buttercream and then pip a line around the edge of the first layer.
Fill with 2-3 tablespoons of blueberry jam and then press the second layer on top.
Repeat with the second and third layers and then finish with your top layer.
Cover the cake with a thin layer of buttercream and then chill for 30 minutes or until firm.
Divide the frosting into 3 bowls and tint 2 of the bowls differing shades of violet, leaving 1 bowl of frosting untinted.
Frost the cake with the violet tinted frosting, starting with the dark violet on the bottom of the cake and working your way up the cake with the lighter violet frostings.


Crocante de aveia e maçã com caramelo salgado // Salted caramel apple crisp


Esta foi a sobremesa escolhida no passado fim de semana. Andava com saudades de comer maçãs no forno, tarte de maçã ou algo do género. Depois lembrei-me da aveia que tinha para gastar e logo pensei num crumble bem guloso. Não podia ter sido melhor escolha. Saborear este crocante de aveia, noz e maçã caramelizado, ainda morno, acompanhado de gelado de nata e caramelo salgado foi algo de divino. Não fosse ter de fazer novas receitas para o blog, iria repeti-la vezes sem conta. Deixem-se levar pelas imagens e experimentem.
Bem sei que não é uma receita de Páscoa mas deixo-vos aqui algumas sugestões recentes e perfeitas para esta época:

Bolo impossível de caramelo
Flan pâtissier au chocolat
Naked de noz e alfarroba com ovos moles e creme de mascarpone
Pavlovas com ovos moles
Bolo bundt de alfarroba 
Cupcakes merengados de amêndoa e ovos moles
Bolo de chocolate de leite merengado












CROCANTE DE AVEIA E MAÇÃ COM CARAMELO SALGADO
Adaptado daqui

Para o caramelo salgado
2 chávenas de açúcar
180ml de natas, à temperatura ambiente
1 colher (sopa) de manteiga
1 colher (chá) de flor de sal

Para o crocante
1/2 chávena de farinha de espelta (ou outra)
1/2 chávena de açúcar amarelo
1/2 chávena de flocos de aveia, grossos
1/2 chávena de nozes, picadas
1/2 colher (chá) de canela
2 pitadas de sal fino
60g de manteiga
 
Para as maçãs caramelizadas
6 maçãs (usei Honeycrisp), descascadas e cortadas
2 colheres (sopa) de açúcar amarelo
2 colheres (sopa) de farinha de espelta (ou outra)
1 colheres (sopa) de manteiga
1 colher (sopa) de sumo de limão
1/2 colher (chá) de canela
1/2 colher (chá) de pasta de baunilha (ou extracto)
1/2 colher (café) de sal

Gelado de nata para servir

(Capacidade da chávena = 250ml)


CARAMELO SALGADO
Aquecer as natas até começar a ferver. Colocar o açúcar num tacho de fundo espesso e deixar derreter lentamente em lume brando até obter um caramelo claro. Retirar do lume, juntar as natas e o sal e mexer com uma colher de pau e levar novamente ao lume. Por fim juntar a manteiga e mexer até obter um caramelo liso e ligeiramente espesso. Reservar num frasco à temperatura ambiente.

CROCANTE DE AVEIA E NOZES
Misturar a farinha, o açúcar, as nozes, a canela e o sal numa taça. Juntar a manteiga aos cubos e misturar bem com os dedos até obter uma massa esfarelada. Juntar a aveia e as nozes e misturar novamente. (Se preferiri, pode misturar tudo no processador).


MAÇÃS CARAMELIZADAS
Depois de cortar as maçãs misturá-las com o sumo de limão. Numa frigideira anti-aderente derreter a manteiga e cozinhar as maçãs com o açúcar, a farinha e as especiarias cerca de 8 minutos, mexendo ocasionalmente, até começarem a ficar tenras. Retirar do lume e regá-las com metade do caramelo.
Pré-aquecer o forno a 180ºC. Num prato de ir ao forno, dispor as maçãs de forma a tapar o fundo, cobrir com o crocante de aveia e levar ao forno cerca de 35 a 40 minutos até ficar dourado e a maçã começar a borbulhar. 
Servir morno com gelado de nata e caramelo.


{Recipe in english}


SALTED CARAMEL APPLE CRISP
Adapted from Love grows wild


For the caramel
2 cups sugar
1 cup heavy cream
1 tbsp unsalted butter, room temperature, cut into cubes
1 tsp sea salt

For the crisp
1/2 cup spelt flour(or other)
1/2 cup brown sugar
1/2 cup old-fashioned oats
1/2 cup walnut, chopped
1/2 teaspoon cinnamon
1/8 teaspoon salt
60g cold butter, in cubes

For the apple filling
6 large apples, peeled, cored and sliced (Honeycrisp)
1/4 cup brown sugar
2 tbsp splet flour(or other)
1 tbsp butter
1 tbsp fresh lemon juice
1/2 tsp cinnamon
1/2 tsp vanilla paste
1/8 tsp salt

Vanilla ice cream, for serving


CARAMEL
Heat the sugar in the bottom of a saucepan over medium heat, stirring constantly with a wooden spoon. Once the sugar is melted, stop stirring. Continue cooking the sugar until it reaches a deep amber color. Remove the pan from heat and pour in the heavy cream. Stir until fully combined and smooth, then add the butter, the sea salt and stir until smooth. Allow the caramel to cool to room temperature.

CRISP
Mix the flour, brown sugar, cinnamon, and salt in large bowl. Blend the butter in to the mixture until it forms small crumbs. Then stir in the oats and chopped walnuts.

APLLE FILLING
Melt the butter in a large pan over medium heat. Add the apples, brown sugar, flour, lemon juice, cinnamon, nutmeg, and salt. Stir to combine. Cook the apples for 8-10 minutes, stirring occasionally, until apples begin to soften. Remove from heat and stir in ½ cup of the salted caramel sauce.

Preheat oven to 180ºC/ 350ºF.
Pour the apple filling into a deep pie dish. Sprinkle the topping over the apples and bake for 35-40 minutes until filling is bubbling and the topping is golden.
Cool 20 minutes before serving. Top the crisp with scoops of vanilla ice cream and salted caramel.

barra navegação

Blogger Widgets